Menu
SADER_FULL
domingo, 20 de janeiro de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Delcídio visita Ivinhema e Novo Horizonte do Sul

31 Ago 2007 - 17h20
O senador Delcídio do Amaral (PT/MS) afirmou que a conclusão da ponte sobre o Rio Paraná, que liga Brasilândia (MS) a Paulicéia (SP),  vai acelerar o desenvolvimento dos municípios da Região Leste do estado, porque criará novas alternativas para escoar a produção de centenas de propriedades rurais da Brasilândia e Santa Rita do Pardo. O convênio para a retomada das obras foi assinado nesta quinta-feira, 30 de agosto, no Palácio do Planalto, em Brasília, entre o governo federal, dirigentes da CESP e o governador de São Paulo, José Serra.
 - Depois de uma luta incessante de todos os membros da bancada de Mato Grosso do Sul no Congresso nacional, que atuaram firmemente junto ao Ministério dos Transportes reivindicando a conclusão da ponte, estamos vendo o sonho da população de Brasilândia e Santa Rita ser finalmente realizado.  Quando a ponte entrar em operação, no segundo semestre do ano que vem, cerca de 600 mil hectares de áreas produtivas  estarão definitivamente incorporados à economia sul-mato-grossense, gerando riquezas e empregos – comemorou Delcídio.
 A ponte, com 1.705 m de extensão, começou a ser feita em julho de 2000 pela Companhia Energética de São Paulo-CESP. A construção foi paralisada quando 70 % das obras já estavam executadas. Para concluir a ponte serão investidos R$ 31 milhões, dos quais R$ 24,7 milhões são do Programa de Aceleração do Crescimento do governo federal e o restante do governo paulista. Ela terá duas mãos de direção em pista única e um vão central de 200 m, para facilitar a navegação no Rio Paraná. A ponte fica no final da Rodovia MS-304 e vai encurtar em 100 km a distância entre Campo Grande e a região da Alta Paulista, criando também uma nova opção de acesso de Mato Grosso do Sul ao estado de São Paulo.

 

 

 

Fátima News

Deixe seu Comentário

Leia Também

PROBLEMAS MENTAIS
Casal é brutalmente agredido a enxadadas pelo filho
BARRADO
Filho do cantor Marciano diz ter sido impedido de ir no velório do pai
A COBRA VAI FUMAR - SEGURANÇA NO MS
MS fecha o cerco contra a violência na fronteira em mega operação
LUTO NA MÚSICA
Marcelo Yuka, fundador do Rappa morre aos 53 anos
ROTEIRO ESPECIAL PARA O RIO DE JANEIRO
Roteiro diferente para continuar conhecendo o Rio de Janeiro
DICA DE TURISMO E FÉRIAS
Dicas para curtir uma temporada em Arraial do Cabo
LUTO - ESPORTE
Morre Jackelyne da Silva, ginasta da seleção brasileira, aos 17 anos
LUTO NA MÚSICA
Cantor sertanejo Marciano morre aos 67 anos, vítima de enfarto
CARNAVAL É NO CAMPO BELO RESORT
Carnaval é no Campo Belo Resort, reserve já seu lugar nesse bloco - Confira os pacotes
MS EM ALERTA
Meteorologia alerta para a possibilidade de chuva forte no fim de semana no MS