Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quarta, 23 de janeiro de 2019
SADER_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Dagoberto apóia seguro-desemprego para bóias-frias

25 Mai 2007 - 15h13

A Comissão de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Desenvolvimento Rural da Câmara dos Deputados aprovou relatório do deputado Dagoberto (PDT) ao Projeto de Lei 200/2007, de autoria de Sandes Junior (PP/2007).

O texto, aprovado por unanimidade, estende o seguro-desemprego aos trabalhadores sazonais do setor agrícola, mais conhecidos como bóias-frias. Serão beneficiados os trabalhadores que empregarem-se por até cinco meses em canaviais, cafezais e outras culturas. 

Em seu relatório, Dagoberto afirmou que: "Como a legislação em vigor estabelece que o direito ao seguro-desemprego somente se verifica mediante a comprovação de vínculo empregatício por período não inferior a seis meses, os chamados bóias-frias, classe de trabalhadores das mais sofridas deste país, ficam à margem desse sistema de proteção social".

O deputado segue dizendo no documento que, "uma vez aprovada a medida em análise, os trabalhadores rurais com ocupação em culturas sazonais que comprovarem vínculo empregatício com duração entre quatro e cinco meses terão direito a três parcelas do seguro desemprego". As l eis 7.998/90 e 8.900/94, alteradas pelo projeto, só garantem o benefício ao trabalhador que comprovar vínculo empregatício de no mínimo seis meses.

O projeto foi aprovado por unanimidade pelo colegiado e agora segue para as Comissões de Trabalho, de Administração e Serviço Público; de Finanças e Tributação; e de Constituição, Justiça e de Cidadania da Câmara.

 

Com assessoria

Deixe seu Comentário

Leia Também

PERSISTÊNCIA
Filho de faxineira e porteiro passa em medicina no Paraná
RENOVAÇÃO LICENÇA
Extinção de mais 130 rádios comunitárias no Brasil deve alcançar emissora de Ponta Porã
CENAS FORTES
Vídeo flagra mulher sendo agredida por ex-marido com socos e chutes
GUERRA NO RJ II
Parentes de mortos durante chacina em São Gonçalo e Itaboraí dizem que vítimas eram inocentes
GUERRA NO RJ
Chacina deixa pelo menos 7 mortos na Região Metropolitana do Rio
BBB 19
Famosos protestam contra Maycon por agredir animais e mãe o defende: 'Não é um monstro'
MORTE A ESCLARECER
Exército investiga morte de sargento após teste de aptidão física
CASO DE POLÍCIA
Rapaz morre em pátio de motel
MINISTRA DO MS NO GOVERNO BOLSONARO
Ministra Tereza Cristina garante fortalecer cadeia do leite e agricultura familiar
PROBLEMAS MENTAIS
Casal é brutalmente agredido a enxadadas pelo filho