Menu
LIMIT ACADEMIA
sexta, 22 de fevereiro de 2019
SADER_FULL
Busca
CONTAINER
Brasil

Custo da construção civil sobe 0,71% no mês de abril

5 Mai 2007 - 05h12
O Custo Unitário Básico (CUB) da construção civil do Estado de São Paulo apresentou alta de 0,71% em abril, na comparação com março. O CUB é o índice oficial calculado pelo Sindicato da Indústria da Construção (SindusCon-SP) e reflete a variação mensal dos custos do setor, para utilização nos reajustes dos contratos da construção civil.

No mês passado, os preços dos insumos de construção apresentaram um aumento de 0,51%. Já os custos das construtoras com mão-de-obra registraram elevação de 0,95% e as despesas administrativas (representadas pelo salário do engenheiro) não tiveram alteração. A média ponderada entre essas variações resultou no CUB de 0,71%, o que significa um custo de R$ 700,99 por metro quadrado.

Dos 55 insumos da construção cujos preços são pesquisados mensalmente pelo SindusCon-SP, 27 apresentaram em abril variação superior à do Índice Geral de Preços de Mercado (IGP-M), que foi de 0,04% no mês passado. Entre os maiores aumentos no mês, estavam: tubo de cobre (11,22%); alimentação (7,51%); telha ondulada de fibrocimento (4,74%); granito polido para piso (3,38%); chapa de compensado (3,16%); brita 2 (2,84%); placa cerâmica (2,65%) e tubo de PVC para esgoto (1,91%).

 

 

Estadão

Deixe seu Comentário

Leia Também

CORTE CEGO
Megaoperação da PM em 18 bairros tem três mortos e cinco feridos
PERSISTÊNCIA
Ex-faxineiro se forma em Jornalismo e já está empregado
O QUE IMPORTA PARA VOCÊ?
Equipe médica leva paciente de UTI à formatura do filho
INDIGNAÇÃO
Pedreiro desafia Rodrigo Maia: 'Trabalhe 30 dias numa obra, que trabalho até os 80'
AMOR INCONDICIONAL
Cadela espera toda noite pela chegada de Boechat, diz mulher do jornalista
VIOLENCIA DOMESTICA
Reconstrução de rosto de mulher espancada na Barra vai durar seis meses, diz médico
REFORMA DA PREVIDÊNCIA
Aposentadoria é para viver, não para receber só à beira da morte
CHANTAGEM
Ladrões invadem estabelecimentos, obrigam funcionárias a tirarem a roupa, filmam e extorquem vítimas
FORAGIDO
Atirador invade escritório de advocacia e mata duas pessoas
BBB 19
Rízia chora por estar acorrentada: 'Vontade de desistir'