Menu
SADER_FULL
domingo, 17 de fevereiro de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Custeio da safra deve chegar a R$ 110 mi em Dourados

4 Set 2010 - 08h38Por Diário MS

O Plano Safra pretende disponibilizar aproximadamente R$ 108 milhões para o custeio da safra 2010/2011 em Dourados. O valor corresponde a um aumento médio de 20% sobre o concedido à safra anterior, quando foram contratados pelo menos R$ 90 milhões. O crédito rural já está sendo disponibilizado aos agricultores pelo Banco do Brasil.
Conforme o gerente da agência de agronegócio do banco em Dourados, José Gonçalves Dias Neto, o Zeca, o Banco do Brasil está trabalhando com uma política de ampliação do limite de crédito para os agricultores familiares e empresariais. Segundo ele, para a safra da soja, o banco está disponibilizando em média R$ 650 mil por CPF (Cadastro da Pessoa Física). A taxa de juro é de 6,75% ao ano.
O gerente afirmou que o bom desempenho de produtividade e rentabilidade do milho safrinha tem animado os agricultores em Dourados. De acordo com Zeca, desde o mês passado houve um aumento considerável no movimento de produtores interessados em atualizar seus cadastros e terem acesso aos valores disponibilizados pelo banco. A ideia é de que o produtor consiga com celeridade o acesso ao financiamento para pode comprar antecipadamente os insumos e fazer o plantio com mais calma. “Neste ano, o banco está disponibilizando para o custeio da safra um montante 20% maior do que o liberado no ano passado. A procura tem sido boa. O bom desempenho do milho safrinha animou os produtores de toda a região, que estão procurando o banco em busca de informações sobre as linhas de financiamento e para a atualização cadastral”, comentou.
O Diário MS não teve acesso ao volume estimado para financiar a safra 2010/2011 em todo o Mato Grosso do Sul. No entanto, vale lembrar que no ano passado foram liberados em torno de R$ 400 milhões para a safra de soja e milho primeira safra.

PAÍS
Em todo o país, o Banco do Brasil prevê aplicar R$ 42 bilhões em crédito rural na safra 2010/2011, já iniciada, montante 20,7% maior do que na safra anterior, conforme documento divulgado na semana passada. Segundo a instituição, até a primeira quinzena de agosto, foram aplicados mais de R$ 2,5 bilhões, um aumento de 11,6% em relação ao mesmo período da safra anterior.
Do montante, R$ 10 bilhões financiarão a agricultura familiar e R$ 31,9 bilhões atenderão aos demais produtores, diz o BB.
O volume de crédito rural aplicado pelo Banco do Brasil na safra 2009/2010 aumentou 14,2% em relação à safra anterior, somando R$ 34,7 bilhões, segundo a instituição. Para agricultura familiar, foram destinados R$ 8,7 bilhões, o que corresponde a um incremento de 22,7% em relação à safra 2008/2009. O restante de R$ 26 bilhões se destinou aos demais produtores e cooperativas, que receberam 11,6% a mais do que no período anterior.

Deixe seu Comentário

Leia Também

OUTROS 10 ESTADOS
Horário de verão termina à meia-noite; relógios devem ser atrasados em 1h
BARBÁRIE
Rosane Santiago Silveira, torturada e morta em sua própria casa
CARRO DE APLICATIVO
Mulher é estuprada após aceitar água e bala em carro de app
VIOLENCIA DOMESTICA
Enquanto Lírio Parisotto era condenado, Luiza Brunet discutia campanha contra violência doméstica
CANALHA
Criança de 4 anos é estuprada no próprio aniversário
HORARIO DE VERÃO
Atrase seu relógio! Horário de verão termina neste sábado(16)
CARCERE PRIVADO
Mulher é chicoteada com fio elétrico pelo marido
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Lutador de MMA mata ex de 16 anos, tenta suicídio e morre horas depois em hospital
VIOLENCIA NO RIO
Menina de 11 anos é baleada e morta em Triagem; moradores protestam
DOENÇA GRAVE
Leiliane ganha acompanhamento médico após desastre com Boechat