Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sexta, 14 de dezembro de 2018
SADER_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

CRO notifica empresa por propaganda irregular no sul de MS

8 Jul 2010 - 06h26Por Conjuntura Online

O CRO-MS (Conselho Regional de Odontologia de Mato Grosso do Sul) encaminhou, nesta quarta-feira, uma notificação de irregularidade ao MPT (Ministério Público do Trabalho).

A empresa notificada presta atendimento em Ponta Porã e Dourados, e está realizando propaganda de forma irregular dos serviços prestados pelas clínicas.

 “A empresa divulgou folders e fez propaganda em um canal de televisão, divulgando os preços de serviços oferecidos e modalidade de pagamento, o que pelo Código de Ética da profissão, pelo Código de Ética do Consumidor e pela Conar (Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária) é proibido. Saúde não é mercadoria”, explica o Conselheiro do CRO-MS, Francisco Grilo.

A empresa já havia sido notificada no começo do ano, pelo mesmo motivo, em Dourados, e agora repetiu a infração, novamente no município e também em Ponta Porã, onde recentemente inaugurou uma clínica.

O Conselho orienta a população para que fique atenta a este tipo de irregularidade. Denúncias podem ser feitas pelo telefone: 3321-0149 ou pelo site: www.croms.org.br.

Deixe seu Comentário

Leia Também

JUSTIÇA - WHATSAPP
Administradora de grupo no WhatsApp, foi “condenada” á pagar 3 mil por discussão de membros
DICAS DE SERVIÇO DE HOSPEDAGEM NA WEB
Vai criar um blog ou um site?, saiba aqui tudo sobre o serviço de hospedagem
ALERTA NA NET
Golpe no WhatsApp engana usuários ao prometer brindes falsos de Natal
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Luz passa mal ao abraçar e beijar a mãe pela primeira vez
FURACÃO
Atlético-PR ganha nos penaltis e é campeão da Sul-Americana
PROVAS ROBUSTAS
PF apreende R$ 2 milhões em busca em endereços de Aécio e aliados de Temer
INCREDIBILIDADE
Um Governo ficha-suja: mais da metade dos ministros estão enrolados
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Aranha descobre marca de pata de gato de Gabriel, tira foto e conta aos guardiã
SUSTO
Celular pega fogo no bolso da calça e deixa homem com queimaduras na perna e mãos
PROCURADO
Com prisão decretada desde setembro, Dado Dolabella é considerado foragido da Justiça