Menu
LIMIT ACADEMIA
terça, 18 de junho de 2019
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Crimes virtuais dão mais prejuízo do que crimes físicos

28 Out 2010 - 16h34Por

Crimes cometidos pela internet renderam mais aos bandidos, do que os roubos a mão armada. Qualquer pessoa que acessa o computador pode virar uma vítima dos golpistas. "É uma guerra", alerta o diretor de uma das maiores empresas de segurança da internet no mundo. 

“Pela primeira vez em 2010 os crimes virtuais resultaram em maior prejuízo do que os crimes físicos. Por dados dos computadores se fez mais dinheiro para os bandidos do que o roubo as estoques os aos bens físicos de empresas e pessoas”, explica Eduardo Garcia Dantona, especialista em Segurança na Internet.

Qualquer pessoa está vulnerável na internet. E não precisa estar num site de compras, basta acessar uma página com promoção, sorteio e seus dados podem ser roubados. Em sete anos foram descobertos 45 milhões de vírus. “As redes zumbis são computadores que têm um vírus instalado e que agem sem saber que estão agindo”, diz o especialista. “Os spams são e-mails que a gente não conhece, convidando você a ver fotos de pessoas”, alerta Eduardo.

Para evitar que os vírus entrem na sua máquina:

- sempre atualize o computador
- jamais digite a senha do cartão.
- procure trocar as senhas pelo menos uma vez ao ano

Deixe seu Comentário

Leia Também

ASSASSINATO CRUEL
O massacre do menino Rhuan e o silêncio da grande mídia
FAMOSIDADES
Homem discute com mulher e mata bebê de quatro meses
SOLIDARIEDADE
Bebê nasce sem os olhos e mobiliza cidade do Paraná
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Pai mata filho de quatro anos e se mata por não aceitar fim do relacionamento
ASSASSINATO
Marido da deputada é morto a tiros
MULHER DO PRESIDENTE
Esposa de Jair Bolsonaro cai na internet, fotos íntimas são exibidas e todos ficam sem acreditar
DOURADOS - MANIFESTAÇÕES
Dono da Havan manda 'recado' a manifestantes após protesto em frente a loja de Dourados
VENENOSA
Agricultor é picado por cobra jararaca
FORÇA DE VONTADE
Advogado que pedia emprego na rua é contratado e ganha pós-graduação
CASO DE POLÍCIA
Filho mata a mãe e rouba seu cartão para comprar cocaína