Menu
LIMIT ACADEMIA
quarta, 23 de janeiro de 2019
SADER_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Corumbá terá Biblioteca e programa de estágio

15 Ago 2007 - 05h17

O prefeito Ruiter Cunha de Oliveira assinou dois convênios com a FIEMS (Federação das Indústrias de Mato Grosso do Sul), na noite de ontem (13), que contemplam a classe estudantil e os trabalhadores corumbaenses. Um dos termos de compromisso garante a implantação do projeto “Indústria do Conhecimento”, com biblioteca virtual, e o segundo inclui o município no programa de estágios a estudantes dos ensinos médio e superior.

A parceria entre a Prefeitura e a FIEMS garante a Corumbá a construção da primeira biblioteca do projeto “Indústria do Conhecimento”, entre seis que inicialmente serão implantadas no Estado ainda este ano. “Isso se deve ao interesse do município, que de imediato viabilizou o terreno para a edificação, e o atendimento ao deputado Paulo Duarte, que pediu prioridade a Corumbá”, disse o presidente da FIEMS, Sérgio Marcolino Longen.

O projeto lançado pelo Sesi (Serviço Social da Indústria), que integra o sistema FIEMS juntamente com o Senai e Sebrae, é integrado pelos ministérios da Educação e das Comunicações. A iniciativa visa facilitar ao trabalhador e sua família o acesso à informação, disponível em mídia impressa e eletrônica. A estrutura será construída ao lado da Escola Municipal Cássio Leite de Barros, no bairro Nova Corumbá.

A biblioteca contará com 3 mil livros de autores nacionais e internacionais e acesso virtual a outras 13 mil publicações para pesquisa. Serão instalados 16 computadores com internet, DVDteca, CDteca e Gibiteca. Serão investidos R$ 150 mil, incluindo a contrapartida da Prefeitura, e a obra será licitada em 30 dias. Este ano, o projeto também será implantado em Campo Grande, Três Lagoas, Aquidauana, Ponta Porá e Nova Andradina.

Estágio - O município também aderiu ao programa de estágios para alunos de níveis médio e superior, obrigatório ou opcional, desenvolvido pelo Instituto Euvaldo Lodi (IEL). O convênio tem validade por dois anos e contempla o aperfeiçoamento da formação profissional, com aplicação de conhecimentos teóricos, técnico-cultural, científico e de relacionamento humano. A jornada de estágio do aluno não deve exceder a 44 horas/aula semanais.

Os atos foram assinados pelo prefeito Ruiter Cunha de Oliveira e o presidente da FIEMS, Sérgio Marcolino Longen, no auditório do Espaço Educacional. Também participaram do ato o deputado estadual Paulo Duarte (PT), executivos do Sistema FIEMS (Sesi, Senai e Sebrae) e secretários municipais, além de empresários corumbaenses.

 

 

 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

PERSISTÊNCIA
Filho de faxineira e porteiro passa em medicina no Paraná
RENOVAÇÃO LICENÇA
Extinção de mais 130 rádios comunitárias no Brasil deve alcançar emissora de Ponta Porã
CENAS FORTES
Vídeo flagra mulher sendo agredida por ex-marido com socos e chutes
GUERRA NO RJ II
Parentes de mortos durante chacina em São Gonçalo e Itaboraí dizem que vítimas eram inocentes
GUERRA NO RJ
Chacina deixa pelo menos 7 mortos na Região Metropolitana do Rio
BBB 19
Famosos protestam contra Maycon por agredir animais e mãe o defende: 'Não é um monstro'
MORTE A ESCLARECER
Exército investiga morte de sargento após teste de aptidão física
CASO DE POLÍCIA
Rapaz morre em pátio de motel
MINISTRA DO MS NO GOVERNO BOLSONARO
Ministra Tereza Cristina garante fortalecer cadeia do leite e agricultura familiar
PROBLEMAS MENTAIS
Casal é brutalmente agredido a enxadadas pelo filho