Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
domingo, 21 de julho de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
AGÊNCIA BONITO THIAGO
Brasil

Corte italiana aponta culpado por morte de Senna

13 Abr 2007 - 13h39

A Suprema Corte italiana confirmou, nesta sexta-feira, que o diretor-técnico da Williams em 1994, o inglês Patrick Head, é responsabilizado por homicídio culposo pela morte do piloto brasileiro Ayrton Senna, em um acidente no GP de San Marino de 1994. A informação é da Agência Ansa.

A sentença 15050 destaca "que a causa do acidente foi a ruptura da barra de direção, causada pela modificação mal projetada e executada, conduzindo a um comportamento culposo e omisso de Head, já que o acontecido era previsível e evitável".

A apelação apresentada pelos advogados de Head foi negada.

É a segunda vez que a Suprema Corte italiana se ocupa da causa de Senna, pois já havia emitido um veredicto no dia 14 de janeiro de 2003, mediante o qual anulava as absolvições ditadas pela Justiça de Bolonha em 22 de novembro de 1999. Nelas, tanto Head como Adrian Newey, o projetista da equipe na época, tinham sido absolvidos.

"Houve falhas e contradições na absolvição", disse em sua sentença a Suprema Corte italiana, que voltou a mudar o rumo de uma sentença de um caso tão polêmico da Formula 1.

Senna morreu em 1 maio de 1994, no Grande Prêmio de San Marino, no circuito italiano de Imola, ao bater a Williams contra os muros de proteção.

 

 

Terra

Deixe seu Comentário

Leia Também

VICENTINA SENDO REPRESENTADA NO RJ
Vicentina será representada no Internacional de Masters South América de Jiu-jitsu no Rio de Janeiro
POLITICA
'Falar que passa-se fome no Brasil é uma grande mentira', afirma Bolsonaro
NOVELA GLOBAL
Maria da Paz se recusa a enxergar caráter de Josiane em 'A dona do pedaço'
REGIME SEMIABERTO
Goleiro Bruno deve sair da cadeia no fim da tarde desta sexta-feira
CASO RARO
Bezerro de seis patas chama atenção moradores de Santa Helena – Veja Vídeo
MONSTRUOSIDADE
Vizinho é preso suspeito de estuprar e estrangular menina de 8 anos
CASA PRÓPRIA
Recurso de R$ 1 bilhão é destinado ao Minha Casa, Minha Vida
VIDA SAUDÁVEL
Homem mais velho do Brasil falece no Rio de Janeiro
BASTA DE IMPRUDÊNCIA
Enlutada pelas mortes, população deixa faixa contra imprudência na PR-082
VIOLENCIA
Motorista atropela manifestantes do MST e mata um idoso