Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
terça, 20 de novembro de 2018
LIMIT ACADEMIA
Busca
SICREDI_FATIMA
Brasil

Corinthians manda Willian ao Lyon para pagar por Nilmar

24 Jul 2007 - 09h12
Não bastasse o time estar na zona de rebaixamento do Brasileiro e o técnico Paulo Cezar Carpegiani perto de deixar o cargo, o presidente Alberto Dualib acertou verbalmente nesta terça-feira a saída da maior revelação do Corinthians nos últimos anos. O Jornal da Tarde apurou que, durante uma reunião na tarde de segunda-feira entre Dualib, o representante do Lyon, Bernard Lacombe, e o empresário Marcelo Djian, chegou-se a um acordo: para cobrir a dívida de 8 milhões de euros (cerca de R$ 20,5 milhões) referente ao caso Nilmar, o Corinthians cederá Willian, de 18 anos, e ainda terá direito a 15% em uma futura transação do meia.

 

Por causa da importância da negociação, Dualib resolveu não ser o único responsável pela saída precoce do jogador que mostra tanto talento. O presidente quer a aprovação do Conselho de Orientação e Fiscalização (Cori) para bater o martelo. Mas o presidente tem certeza de que o negócio será aprovado. O Corinthians deve perto de R$ 100 milhões, e se o Cori não autorizar a transação não haverá como pagar os R$ 20,5 milhões ao Lyon. Sem pagar, o Corinthians corre o risco de perder pontos preciosos no Campeonato Brasileiro.

 

"O prazo para pagamento já está correndo na Fifa. O Corinthians tem 30 dias para se acertar com o Lyon", diz o advogado Breno Tannuri, que representa Nilmar e tem detalhes do julgamento, realizado pela Fifa e avalizado pela Corte de Arbitragem do Esporte, em Lausanne, na Suíça. Com a morte do advogado Paulo Rogério Amoretty no acidente da TAM - ele representou o Corinthians no caso -, a diretoria corintiana perdeu a esperança de conseguir uma alternativa.

 

O Corinthians, em parceria com a MSI, contratou Nilmar por empréstimo de um ano e pagou 2 milhões de euros, com o trato de pagar outros 8 milhões para ter o jogador em definitivo. Mas pendurou a dívida, e por isso Dualib quer se acertar logo com o Lyon e se livrar da ameaça de multas e até de rebaixamento.

 

Marcelo Djian, representante do Lyon no Brasil, detalhou a difícil situação econômica do Corinthians à diretoria do clube francês. Deixou as coisas o mais claro possível: ou o Lyon pega Willian ou então teria de aceitar um parcelamento e levaria anos para receber o dinheiro. O ex-zagueiro corintiano se sente responsável para definir a transação, já que foi ele quem recomendou a venda de Nilmar ao Corinthians e à MSI.

 

 

Estadão

Deixe seu Comentário

Leia Também

TRAGÉDIA NA FAMILIA
Homem que matou filho para defender a nora comete suicídio
INJUSTIÇA
Familiares prestam homenagem a laçador de cães que morreu após ser hostilizado
FORAGIDO
Mulher é morta a facadas pelo ex-marido, que não aceitava fim de relacionamento
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Valentina conta a Egídio que Gabriel é filho dele
CRUELDADE
Idosa de 106 anos é assassinada a pauladas no Maranhão
NOVO GOVERNO
Desistência de general para ministério leva crise ao QG de Bolsonaro
ASSASSINATO
Câmeras flagram dupla efetuando mais de 30 tiros contra homem; veja o vídeo
TRISTEZA
Menino de 10 anos comete suicídio após a prisão do pai
MALDADE
Câmera de segurança flagra homem colocando fogo em casinha comunitária para cachorros
FATIMASSULENSES EM UBATUBA (SP)
Fatimassulenses, alunos do Vicente Pallotti fazem curso de biodiversidade marinha em Ubatuba (SP)