Menu
SADER_FULL
segunda, 21 de janeiro de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Corinthians encara Botafogo em jogo adiado que "iniciou" crise

15 Ago 2007 - 08h15

O Corinthians encara o Botafogo, nesta quarta-feira, às 20h30, no estádio do Maracanã, no Rio, em partida remarcada da sétima rodada do Campeonato Brasileiro, tentando afastar de vez a crise que chegou a rondar o clube.

O jogo contra os botafoguenses estava anteriormente marcado para o mês de junho, mas foi adiado pela CBF (Confederação Brasileira de Futebol) em virtude de o estádio do Maracanã ter sido fechado para a preparação da abertura dos Jogos Pan-Americanos.

Na ocasião, o time do Parque São Jorge era o vice-líder, com 12 pontos, dois a menos que o primeiro colocado na época, justamente o Botafogo, rival desta noite.

Mas, com a remarcação da partida para hoje, o próximo adversário corintiano foi o arqui-rival Palmeiras, que venceu o clássico paulistano por 1 a 0 e gerou uma crise no clube que ainda demora a se afastar.

Após o revés, a equipe do técnico Paulo César Carpegiani ficou mais oito jogos sem vencer e foi parar na zona de rebaixamento da competição, posição que deixou apenas na última rodada, após a vitória por 2 a 1 sobre o Grêmio, de virada, no Pacaembu.

Caso vença a partida desta noite, o time paulista ficará a seis pontos da zona de descenso e comemorará pela segunda vez no torneio duas vitórias consecutivas.

O triunfo sobre os gremistas deu confiança à equipe para o jogo desta noite. "Acho que vamos voltar a ser o que sempre fomos: uma equipe que não deve muito para as que estão ponteando o campeonato. Essa vitória dá moral ao grupo, dá confiança, e esse grupo por ser jovem precisa desse tipo de jogo", disse o técnico Paulo César Carpegiani.

BOTAFOGO
Marcos Leandro; Joilson, Alex, Juninho e Luciano Almeida; Leandro Guerreiro, Túlio, Lúcio Flávio e Adriano Felício; Jorge Henrique e Dodô.
Técnico: Cuca

CORINTHIANS
Felipe; Edson, Kadu, Fábio Ferreira e Wellington (Nilton); Bruno Octávio, Vampeta, Gustavo Nery e Willian; Arce e Finazzi.
Técnico: Paulo César Carpegiani

Local: estádio do Maracanã, no Rio
Horário: 20h30
Árbitro: Clever Assunção Gonçalves (MG)

Deixe seu Comentário

Leia Também

GUERRA NO RJ II
Parentes de mortos durante chacina em São Gonçalo e Itaboraí dizem que vítimas eram inocentes
GUERRA NO RJ
Chacina deixa pelo menos 7 mortos na Região Metropolitana do Rio
BBB 19
Famosos protestam contra Maycon por agredir animais e mãe o defende: 'Não é um monstro'
MORTE A ESCLARECER
Exército investiga morte de sargento após teste de aptidão física
CASO DE POLÍCIA
Rapaz morre em pátio de motel
MINISTRA DO MS NO GOVERNO BOLSONARO
Ministra Tereza Cristina garante fortalecer cadeia do leite e agricultura familiar
PROBLEMAS MENTAIS
Casal é brutalmente agredido a enxadadas pelo filho
BARRADO
Filho do cantor Marciano diz ter sido impedido de ir no velório do pai
A COBRA VAI FUMAR - SEGURANÇA NO MS
MS fecha o cerco contra a violência na fronteira em mega operação
LUTO NA MÚSICA
Marcelo Yuka, fundador do Rappa morre aos 53 anos