Menu
SADER_FULL
segunda, 22 de julho de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Corinthians coloca liderança em jogo contra o turbulento Santos

22 Set 2010 - 08h12Por Gazeta Esportiva

O Corinthians defenderá a liderança do Campeonato Brasileiro pela primeira vez após ultrapassar o Fluminense na tabela de classificação.

Às 22 horas (de Brasília) desta quarta-feira, na Vila Belmiro, a equipe comandada por Adilson Batista fará um clássico repleto de rivalidade com o Santos, que atravessa um momento muito turbulento.

Com 44 pontos, o Corinthians precisa da vitória para se manter distante de Fluminense (que tem 42 e enfrentará o Atlético-MG na quinta-feira) e Cruzeiro (com 41, receberá o Ceará nesta quarta-feira).

O Santos totaliza 35 e ainda sonha com o título, embora esteja mais preocupado com os atos de indisciplina de seu principal destaque.

A briga de Neymar com Dorival Júnior culminou na demissão do treinador, menos de 24 horas antes do clássico.

Neymar ofendeu Dorival no final da vitória sobre o Atlético-GO, irritado por ser impedido de cobrar um pênalti.

Acabou afastado do jogo contra o Guarani e inicialmente não ganhou perdão para disputar o clássico.

"Não tem medida certa, ideal, pois você não sabe qual vai ser a reação da equipe.

Fui pela minha consciência", explicou o estão comandante santista, horas antes de ficar desempregado. O atacante, então, ganhou aval para jogar.

Pelo Corinthians, a maioria dos jogadores preferiu não polemizar com Neymar e com o Santos.

No último encontro entre os times na Vila Belmiro, o atacante criou polêmica ao aplicar um chapéu no zagueiro Chicão com o jogo paralisado.

"Mas não existe revanchismo. Já vencemos o Santos depois disso [4 a 2, no Pacaembu] e temos uma motivação maior", afirmou o capitão William.

O zagueiro corintiano se refere à briga pelo título nacional. "Será ainda mais duro daqui para frente. Devemos estar concentrados para não deixar os pontos escaparem.

Sabemos que o Santos é um adversário forte, mas vamos tentar a vitória", pregou o técnico Adilson Batista, que não incluiu o rival entre os candidatos a levar o troféu.

O lateral e agora volante Danilo respondeu pelos santistas. "É um jogo de extrema importância, decisivo para as pretensões do Santos no campeonato.

Além disso, sabemos que tem um sabor diferente ganhar do Corinthians.

Existem muitas coisas extra-campo que envolvem esse clássico", observou.

Quem também ficará fora de campo, pelo Corinthians, é o atacante Ronaldo, recuperando-se de um edema na panturrilha. Assim como Dentinho e Chicão, que seguem contundidos.

O volante Paulinho, por sua vez, precisará cumprir suspensão.

A presença de Ralf, que contundiu recentemente o tornozelo esquerdo, é uma incógnita.

Já o interino treinador Marcelo Martelote terá o desfalque do zagueiro Edu Dracena, suspenso.

Com isso, Bruno Aguiar receberá nova chance, ao lado de Durval.

Na lateral direita, Pará está recuperado de escoriações nos joelhos. No ataque, sem Keirrison, lesionado, Marcel atuará ao lado de Neymar.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CONCURSOS
Ao menos 12 órgãos abrem inscrições para preencher quase 800 vagas
VICENTINA SENDO REPRESENTADA NO RJ
Vicentina será representada no Internacional de Masters South América de Jiu-jitsu no Rio de Janeiro
POLITICA
'Falar que passa-se fome no Brasil é uma grande mentira', afirma Bolsonaro
NOVELA GLOBAL
Maria da Paz se recusa a enxergar caráter de Josiane em 'A dona do pedaço'
REGIME SEMIABERTO
Goleiro Bruno deve sair da cadeia no fim da tarde desta sexta-feira
CASO RARO
Bezerro de seis patas chama atenção moradores de Santa Helena – Veja Vídeo
MONSTRUOSIDADE
Vizinho é preso suspeito de estuprar e estrangular menina de 8 anos
CASA PRÓPRIA
Recurso de R$ 1 bilhão é destinado ao Minha Casa, Minha Vida
VIDA SAUDÁVEL
Homem mais velho do Brasil falece no Rio de Janeiro
BASTA DE IMPRUDÊNCIA
Enlutada pelas mortes, população deixa faixa contra imprudência na PR-082