Menu
SADER_FULL
terça, 16 de julho de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Corinthians bate Paraná e cumpre parte da meta de Tite

25 Out 2004 - 07h50
O Corinthians bateu o desesperado Paraná por 2 a 1, neste domingo, no estádio Pinheirão, em Curitiba, pelo Campeonato Brasileiro, e cumpriu parte da meta do técnico Tite de sair da região Sul com duas vitórias e condições para manter a busca por uma vaga na Libertadores.

O volante Fabinho marcou os dois gols do time, que jogou todo o segundo tempo com um jogador a menos, após expulsão de Edson na etapa inicial.

De quebra, o time paulista terminou com um incômodo tabu: havia 12 rodadas que o Corinthians não conseguia marcar mais de um gol em um jogo --a última vez havia sido contra a Ponte Preta no dia 14 de agosto, no Pacaembu, quando venceu por 2 a 0.

O Corinthians chegou aos 57 pontos e continua em oitavo lugar, mas apesar da vitória, o time também manteve os oito pontos que o distanciam do quarto colocado, São Caetano. O Paraná permaneceu na 22ª colocação, com 38 pontos, dentro da zona de rebaixamento.

E foi justamente apostando no desespero dos donos da casa, na pressão da torcida local e nas jogadas de bola área e parada que Tite armou o Corinthians para sair com os três pontos de Curitiba.

Segundo o técnico, o gramado do Pinheirão é muito irregular, o que dificulta as jogadas por baixo. As novidades do time foram Fábio Baiano, Wendel e Jô.

O primeiro gol saiu numa jogada pela esquerda, em que o atacante Jô cruzou para o volante Fabinho mergulhar de cabeça para marcar, aos 16min da etapa inicial.

O gol desestabilizou o Paraná, que viu Fabinho ampliar aos 33min, agora em jogada com a bola rolando, após receber cruzamento novamente da esquerda do lateral Renato e tocar dentro da pequena área.

O Corinthians ainda perdeu o volante Edson, que levou o segundo cartão amarelo e foi expulso de campo ao dar entrada violenta no atacante Cristian, aos 35min.

No segundo tempo, o Paraná aproveitou a vantagem de um homem a mais dentro de campo para marcar seu gol. Após escanteio da esquerda, Galvão completou de cabeça, aos 11min. Mas foi só.

Enquanto o Corinthians se prepara para seu segundo jogo no Sul, contra o Criciúma, na quarta-feira, o Paraná tentará buscar a reabilitação na no mesmo dia, contra o Figueirense, novamente em Curitiba.

PARANÁ
Flávio; João Paulo, Fernando Lombardi (Marcelo Passos), Émerson e Edinho; Axel, Messias, Goiano (Vandinho) e Fernando (Gerson Baresi); Cristian e Galvão
Técnico: Paulo Campos

CORINTHIANS
Fábio Costa; Anderson, Valdson e Betão; Edson, Wendel, Fabinho, Fábio Baiano (Coelho) e Renato (Coelho); Jô e Gil
Técnico: Tite

Gol: Fabinho, aos 16min e 33min do primeiro tempo; Galvão, aos 11min do segundo tempo
Cartões amarelos:Axel, Vandinho, Messias e Galvão; Fábio Baiano e Gil
Cartão vermelho: Edson
Juiz: Elvecio Zequetto (MS)
Estádio: Pinheirão, em Curitiba (PR)

 

Folha Online


Deixe seu Comentário

Leia Também

BARBÁRIE
Moça de 22 anos é agredida até a morte após se negar a fazer sexo
COMOÇÃO
Jovem Lenara, filha de vice prefeito morre vitima de câncer
100 REMEDIOS
Ministério da Saúde suspende fabricação de 19 remédios;veja aqui a lista dos medicamentos cortados
ABANDONADA NO ALTAR
Morre jovem que casou sozinha após ser abandonada no altar
TRAGEDIA NA RODOVIA
Morte trágica de três pessoas na PR-082, comove população
BRIGA DE FAMILIA
Pai desfere 15 golpes de facão em filho adolescente
VIOLENCIA DOMESTICA
Pai é morto a marteladas pelo filho um dia antes de aniversário
NÃO QUER QUE ELE USE
Mãe apaga narguilé do filho adolescente e leva chinelada
NOVELA GLOBAL
Régis confessa que está apaixonado de verdade por Maria da Paz em 'A dona do pedaço'
VAQUINHA VIRTUAL
Com dinheiro de vaquinha, morador de rua que ajudou idosa durante temporal no Rio compra casa