Menu
SADER_FULL
segunda, 21 de janeiro de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Conta de luz fica mais barata em 2005

26 Out 2004 - 09h02
A conta de luz vai ficar um pouco mais barata a partir de 2005 com a redução do seguro-apagão.

O seguro é cobrado desde março de 2002, com o nome de "encargo de
capacidade emergencial" ou "ECE". Atualmente, o valor do encargo é de R$ 0,0085 por kWh, ou R$ 1,7 em uma conta de 200 kWh. Isso representa cerca de 2% do valor da conta de luz.

Esse valor é pago pelos consumidores de energia do Sudeste, Nordeste, Sul, Centro-Oeste e parte da região Norte para custear o aluguel das usinas termelétricas que podem ser acionadas em caso de risco de racionamento. Os consumidores classificados como de "baixa renda" estão isentos do seguro-apagão.

A redução do seguro se deve ao vencimento dos contratos de algumas usinas --917 MW de um total de 1.827 MW--, que não serão renovados pelo governo.

Ainda não está decidido qual será o percentual de redução do encargo. O assunto seria definido nesta terça-feira (26) pela Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica), mas a decisão foi adiada.

O consumidor só ficará completamente livre do seguro-apagão a partir de 2006, quando vencerá o restante dos contratos.
 
 
Folha Online

Deixe seu Comentário

Leia Também

MORTE A ESCLARECER
Exército investiga morte de sargento após teste de aptidão física
CASO DE POLÍCIA
Rapaz morre em pátio de motel
MINISTRA DO MS NO GOVERNO BOLSONARO
Ministra Tereza Cristina garante fortalecer cadeia do leite e agricultura familiar
PROBLEMAS MENTAIS
Casal é brutalmente agredido a enxadadas pelo filho
BARRADO
Filho do cantor Marciano diz ter sido impedido de ir no velório do pai
A COBRA VAI FUMAR - SEGURANÇA NO MS
MS fecha o cerco contra a violência na fronteira em mega operação
LUTO NA MÚSICA
Marcelo Yuka, fundador do Rappa morre aos 53 anos
ROTEIRO ESPECIAL PARA O RIO DE JANEIRO
Roteiro diferente para continuar conhecendo o Rio de Janeiro
DICA DE TURISMO E FÉRIAS
Dicas para curtir uma temporada em Arraial do Cabo
LUTO - ESPORTE
Morre Jackelyne da Silva, ginasta da seleção brasileira, aos 17 anos