Menu
SADER_FULL
domingo, 26 de janeiro de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
BANNER BET
Brasil

Construção Civil tem alta de 0,55% em MS; 7º menor no país

4 Ago 2004 - 10h55
O Índice de Mato Grosso do Sul da Construção Civil subiu 0,55% em julho, abaixo da do índice nacional qu teve alta de 0,94%. Mato Grosso do Sul teve a a menor elevação entre os estados da região Centro-Oeste e foi o 7º estado onde os índices menos cresceram.

O custo estadual por metro quadrado foi de 467,41 relativos aos materiais, que tiveram uma pequena alta. Mas, no ano, a consrução civil, em Mato Grosso do Sul, teve um crescimento de 6,50%, sendo o 8º maior índice entre as Unidades da Federação.


As regiões Sul e Centro-Oeste ficaram acima da média nacional, com altasem julho de 1,70% e 1,38%, respectivamente, devido aos reajustes salariais ocorridos no Paraná e no Mato Grosso. Entre os estados, Mato Grosso teve o maior índice também por causa do reajuste salarial das categorias profissionais.

O Índice Nacional da Construção Civil é calculado mensalmente pelo IBGE em convênio com a Caixa Econômica Federal e desde o ano passado é usado pela Caixa para o cálculo dos custos na avaliação de projetos e pelo Tribunal de Contas da União (TCU) para auditorias em obras públicas.
 
MS Notícias

Deixe seu Comentário

Leia Também

ATENTADO
Casa de deputado é atacada com pelo menos 30 tiros de fuzil
SUPERAÇÃO
Ser diagnosticado 5 vezes com câncer em 15 anos não foi capaz de parar campeão paralímpico
SUSTO
Palco de Gusttavo Lima pega fogo durante show em Pernambuco
É MUITO PLÁSTICO
Brasil produz mais de 11 milhões de toneladas de lixo plástico
CASOS RAROS
Duas crianças morrem em uma semana, após sofrer AVC, preocupa classe médica
REALITY SHOW 2020
Participante do BBB20, médica sugeriu que mataria Dilma “em seu plantão”
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Três crianças morrem e uma mulher fica ferida durante incêndio em casarão
ESPORTE 2020
Opção de 'Cashout' atrai apostadores iniciantes
FUTEBOL 2020
Coritiba anuncia novo patrocinador máster para 2020
DOENÇA INFECCIOSA
Presos que estavam sendo 'comidos vivos' por doença são internados