Menu
SADER_FULL
sexta, 22 de fevereiro de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
ITALÍNEA
EVOLUÇÃO

Consórcios de casas e veículos crescem 14% em cinco meses

15 Jul 2010 - 05h31Por Agência Brasil

A compra de veículos e de casas por meio de consórcios aumentaram 14,4%, de janeiro a maio deste ano sobre igual período do ano passado, o que representa uma evolução bem acima dos 10% previstos para o ano de 2010 pela Associação Brasileira de Administradoras de Consórcios (Abac).

O presidente da entidade, Paulo Roberto Rossi, atribuiu, por meio de nota, o desempenho à estabilidade econômica. “Sem juros e com parcelamento integral do valor desejado, esse mecanismo vem registrando uma procura crescente”, disse.

De acordo com o balanço, as vendas de novas cotas para veículos ficou acima do esperado, totalizando 727,6 mil , de janeiro a maio, ou 15,7% mais do que nos cinco primeiros meses de 2009. O número de participantes passou de 3 milhões para 3,2 milhões, com alta de 6,6% e o de consorciados que conseguiram retirar os bens aumentou 3,4%, alcançando 351 mil unidades.

Quanto às negociações de imóveis, as vendas das novas cotas cresceram 16,2% de janeiro a maio, com um total 92,5 mil. No mesmo período, o movimento de consorciados saltou de 519 mil para 560 mil (7,9 % de alta) e o total dos que foram contemplados passou de 25,7 mil para 27,7 mil, um aumento de 7,8%.

O levantamento mostra ainda que a aquisição de eletroeletrônicos pelo sistema de consórcio caiu 12,3% e o número de participantes diminuiu em 14,9%. Já o valor médio da cota desejada subiu em 39,7% (de R$ 2.571,00 para R$ 3,593,00).

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

PERSISTÊNCIA
Ex-faxineiro se forma em Jornalismo e já está empregado
O QUE IMPORTA PARA VOCÊ?
Equipe médica leva paciente de UTI à formatura do filho
INDIGNAÇÃO
Pedreiro desafia Rodrigo Maia: 'Trabalhe 30 dias numa obra, que trabalho até os 80'
AMOR INCONDICIONAL
Cadela espera toda noite pela chegada de Boechat, diz mulher do jornalista
VIOLENCIA DOMESTICA
Reconstrução de rosto de mulher espancada na Barra vai durar seis meses, diz médico
REFORMA DA PREVIDÊNCIA
Aposentadoria é para viver, não para receber só à beira da morte
CHANTAGEM
Ladrões invadem estabelecimentos, obrigam funcionárias a tirarem a roupa, filmam e extorquem vítimas
FORAGIDO
Atirador invade escritório de advocacia e mata duas pessoas
BBB 19
Rízia chora por estar acorrentada: 'Vontade de desistir'
LARANJADA
Deputados do PSOL distribuem laranjas na chegada de Bolsonaro à Câmara