Menu
LIMIT ACADEMIA
segunda, 17 de junho de 2019
SADER_FULL
Busca
AGÊNCIA BONITO THIAGO
Brasil

Congressista que faltar perderá até R$ 1,3 mil por dia

10 Ago 2004 - 10h20
 

Os líderes aliados apostam que nesta semana destrancarão as pautas da Câmara e do Senado e darão início à votação dos projetos considerados prioritários pelo governo neste segundo semestre. Para isso, os presidentes da Câmara, deputado João Paulo Cunha (PT-SP), e do Senado, José Sarney (PMDB-AP), prometem uma medida radical para quem não estiver no esforço concentrado do Congresso Nacional: o corte dos salários.

São candidatos nas eleições municipais deste ano 93 parlamentares, sendo 89 deputados e quatro senadores. A previsão é de que até o final do mês, os deputados tenham seis sessões deliberativas, três nesta semana e as demais na última semana de agosto. Com um salário variável de R$ 8.020, o corte pode chegar a R$ 1.336 por dia de ausência. Tanto na Câmara, quanto no Senado, os parlamentares terão pela frente as medidas provisórias.

Os deputados precisam votar duas MPs para iniciar a discussão de projetos como o que retoma a Sudene (Superintendência de Desenvolvimento do Nordeste), o que estabelece as agências reguladoras, o que cria o estatuto da igualdade racial, além da Emenda do Trabalho Escravo. As MPs que estão trancando a pauta são: a medida que concede crédito extraordinário de R$ 32 milhões ao Ministério da Integração Nacional e a que institui o auxílio financeiro emergencial às vítimas de desastres naturais.


Paraná Online

Deixe seu Comentário

Leia Também

SOLIDARIEDADE
Bebê nasce sem os olhos e mobiliza cidade do Paraná
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Pai mata filho de quatro anos e se mata por não aceitar fim do relacionamento
ASSASSINATO
Marido da deputada é morto a tiros
MULHER DO PRESIDENTE
Esposa de Jair Bolsonaro cai na internet, fotos íntimas são exibidas e todos ficam sem acreditar
DOURADOS - MANIFESTAÇÕES
Dono da Havan manda 'recado' a manifestantes após protesto em frente a loja de Dourados
VENENOSA
Agricultor é picado por cobra jararaca
FORÇA DE VONTADE
Advogado que pedia emprego na rua é contratado e ganha pós-graduação
CASO DE POLÍCIA
Filho mata a mãe e rouba seu cartão para comprar cocaína
EQUIPARADO AO RACISMO
Agora Homofobia é crime, STF criminaliza
DOENÇA DO SÉCULO
Jovem de 19 anos com depressão comete suicídio e choca cidade