Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sexta, 22 de fevereiro de 2019
SADER_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Conab avança na estimativa de safras por satélite

12 Jul 2004 - 17h12
 

A Conab (Companhia Nacional de Abastecimento), vinculada ao Mapa (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento), participa da Expoagro (Exposição Agropecuária, Industrial e Comercial de Mato Grosso) com palestras técnicas, apresentação do sistema de leilão eletrônico e de informações geográficas, além da difusão de informações do agronegócio. No evento, que vai até 18 de julho, no Parque de Exposições de Cuiabá (MT), a Superintendência de Informações do Agronegócio da Conab explicará os projetos GeoSafras, para a modernização da estimativa de safra de grãos, e o SigaBrasil, um sistema de informações geográficas que vai atender usuários do agronegócio.

A Conab pretende monitorar por satélite a estimativa da safra brasileira de grãos em todos os estados até 2006. O projeto utilizará suporte de modelos agrometeorológicos que serão testados nas culturas de café, cana-de-açúcar, milho e soja até o fim de 2004. De acordo com o especialista Divino Figueiredo, o GeoSafras está em pleno andamento nos estados produtores, como Paraná e Rio Grande do Sul (soja e milho), Mato Grosso (soja), Minas Gerais e Espírito Santo (café). Em maio, o ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Roberto Rodrigues, lançou o projeto em Brasília. Segundo ele, o mecanismo tirará o Brasil de um grande atraso tecnológico.

“O objetivo é atualizarmos semanalmente os dados essenciais à formulação da política agrícola brasileira”, diz. “Era um sonho de todo o setor”. O SigaBrasil é um sistema de informações geográficas para atendimento à comunidade de usuários da cadeia do agronegócio brasileiro. O sistema oferece informações e mapas via Internet, integrando bancos de dados de produção agrícola, rede de armazéns, rede viária (rodovias, ferrovias e hidrovias), agroindústrias, assentamentos e acampamentos.

A Conab espera migrar o SigaBrasil para um ambiente de software livre na área de sistemas de informações geoespaciais, além de prover um banco de dados geográficos que permita a construção de um ambiente para desenvolver aplicativos e ferramentas para o mundo geográfico do agronegócio. Na última sexta-feira, a Conab promoveu um leilão especial no estande da exposição. Os interessados conheceram o funcionamento dos pregões eletrônicos, normalmente realizados em Brasília. Foram oferecidos 12 lotes de farinha de mandioca com os lances seguindo as normas do regulamento, como acontece numa operação normal. A venda foi realizada em tempo real, acompanhada por interessados e representantes regionais da Conab.

 

 

Mídia Max

Deixe seu Comentário

Leia Também

CORTE CEGO
Megaoperação da PM em 18 bairros tem três mortos e cinco feridos
PERSISTÊNCIA
Ex-faxineiro se forma em Jornalismo e já está empregado
O QUE IMPORTA PARA VOCÊ?
Equipe médica leva paciente de UTI à formatura do filho
INDIGNAÇÃO
Pedreiro desafia Rodrigo Maia: 'Trabalhe 30 dias numa obra, que trabalho até os 80'
AMOR INCONDICIONAL
Cadela espera toda noite pela chegada de Boechat, diz mulher do jornalista
VIOLENCIA DOMESTICA
Reconstrução de rosto de mulher espancada na Barra vai durar seis meses, diz médico
REFORMA DA PREVIDÊNCIA
Aposentadoria é para viver, não para receber só à beira da morte
CHANTAGEM
Ladrões invadem estabelecimentos, obrigam funcionárias a tirarem a roupa, filmam e extorquem vítimas
FORAGIDO
Atirador invade escritório de advocacia e mata duas pessoas
BBB 19
Rízia chora por estar acorrentada: 'Vontade de desistir'