TASS_MOTORS
FatimaNews - Notícias de Fátima do Sul e região
Fátima do Sul, 12 de Dezembro de 2017
RIO_DOURADOS
DELPHOS_FULL
29 de Outubro de 2004 14h45

Complemento de São Paulo x São Caetano terá portões abertos

O diretor técnico da CBF, Virgilio Elísio, marcou para quarta-feira, às 20h30, o reinício do jogo entre São Caetano e São Paulo, no Morumbi. Pelo ofício assinado ontem pelo dirigente, os atletas atuarão apenas 31 minutos, com os portões do estádio abertos.

A partida foi interrompida em 0 a 0 anteontem, aos 14min do segundo tempo, após o zagueiro Serginho ter sofrido uma parada cardiorrespiratória que resultou em sua morte.

Será permitida a entrada de um outro atleta no seu lugar, já que o clube do ABC não tinha feito todas substituições. O São Paulo é o terceiro no BR-04, e o São Caetano o quarto. Com um jogo a menos, ambos estão a quatro pontos do líder Santos.

Mesmo sem ter nenhum artigo previsto especificamente para o caso de morte de um atleta em campo nos códigos ou regulamento do futebol brasileiro, o dirigente disse que "por analogia" enquadrou a situação nos artigos 14 e 15 do Regulamento Geral das Competições Organizadas pela CBF.

"Este é um caso inédito na minha vida esportiva. Por isso, tivemos que tratar o assunto de uma maneira excepcional", declarou o dirigente da CBF, que decretou luto de sete dias.

O artigo 14 lista os casos em que um árbitro pode interromper um jogo, como falta de segurança e gramado ruim.

"Este caso é comparável a qualquer um dos citados no artigo pelo qual os clubes não têm culpa. Por isso, decidimos interpretar este caso assim", disse Elísio.

No inciso 1º do artigo 15, o texto diz que as partidas, "depois de iniciadas e que forem suspensas em definitivo até o término do 29º minuto do segundo tempo, serão completadas no dia seguinte, e, caso tais motivos persistirem, em data a ser marcada pela CBF, desde que nenhuma associação tenha dado causa à suspensão".

"Como seria impossível realizar esse jogo no dia seguinte por toda a comoção causada pela morte do atleta, decidimos marcar o jogo para a próxima quarta", disse o dirigente, que também cancelou o jogo de domingo do São Caetano contra o Paraná. A partida foi remarcada para 10 de novembro. O restante da rodada foi mantido.

O São Paulo prefere disputar uma nova partida inteira. "Eu sugeriria que houvesse um outro jogo, com outra história. Não gostaria de continuar essa", disse Marco Aurélio Cunha, superintendente do clube.
 
 
Folha Online
Comentários
Veja Também
Nossa_Lojas
LISTINHA_ONLINE
SADER_LATERAL
Últimas Notícias
  
FÁBRICA_CALÇADOS
Eventos
dothCom © Copyright FatimaNews - Todos os Direitos Reservados.