Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sexta, 15 de fevereiro de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Comissão de MS, MT e GO vai à Rússia

2 Jul 2004 - 10h58

Dentro de 15 dias os Estados de Mato Grosso, Goiás e Mato Grosso do Sul vão produzir, juntos, relatório fotográfico com informações sobre a sanidade animal na região. Em seguida, uma comissão vai à Rússia para apresentar a qualidade da carne bovina produzida, livre de febre aftosa.

A decisão foi tomada em reunião no início da noite de quarta-feira (30-06), no Palácio Paiaguás, pelo ministro da ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Roberto Rodrigues, os governadores Blairo Maggi, José Orcírio dos Santos, Zeca do PT, (MS) e representantes do governo de Goiás.

Na quarta a Rússia suspendeu o embargo à carne brasileira, decretado há 12 dias. Para suspender o embargo, o Brasil teve de aceitar a condição de manter suspensa a exportação de carne do Mato Grosso para aquele país. O motivo, segundo o ministro, é que a aftosa é tratada no Brasil de forma regionalizada. O registro de um foco no rebanho do município de Monte Alegre, no Pará, levou a Rússia a suspender as compras de carne, no último dia 18.

O acordo sanitário Brasil-Rússia prevê que estados vizinhos àquele onde for registrado um foco de aftosa ficarão impedidos de exportar para aquele mercado por até 12 meses.

 

 

Agrolink

Deixe seu Comentário

Leia Também

BARBÁRIE
Rosane Santiago Silveira, torturada e morta em sua própria casa
CARRO DE APLICATIVO
Mulher é estuprada após aceitar água e bala em carro de app
VIOLENCIA DOMESTICA
Enquanto Lírio Parisotto era condenado, Luiza Brunet discutia campanha contra violência doméstica
CANALHA
Criança de 4 anos é estuprada no próprio aniversário
HORARIO DE VERÃO
Atrase seu relógio! Horário de verão termina neste sábado(16)
CARCERE PRIVADO
Mulher é chicoteada com fio elétrico pelo marido
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Lutador de MMA mata ex de 16 anos, tenta suicídio e morre horas depois em hospital
VIOLENCIA NO RIO
Menina de 11 anos é baleada e morta em Triagem; moradores protestam
DOENÇA GRAVE
Leiliane ganha acompanhamento médico após desastre com Boechat
SOLIDARIEDADE
Jovem faz campanha para pagar cirurgia de cachorro que vive com tumor 'gigante'