Menu
SADER_FULL
domingo, 15 de setembro de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
AGÊNCIA BONITO THIAGO
Brasil

Comerciante é morto a tiros por causa de conta em bar

29 Out 2004 - 08h35
Um adolescente de 17 anos matou no início da noite desta quinta-feira, com três tiros de pistola 7.65 mm, o comerciante Ivanildo Alexandre da Silva, de 34 anos, que residia na rua W-4, 620, no Jardim Água Boa. O assassino, que reside na rua Cuiabá, em Dourados, chegou ao bar acompanhado por outro menor, também de 17 anos, e duas menores, uma de 15 e outra de 16 anos.
Testemunhas contaram à polícia que os jovens chegaram ao bar, beberam cerveja, jogaram sinuca e pagaram a conta. Antes de sair, os adolescentes pediram mais três fichas de sinuca e beberam outras duas cervejas, quando decidiram ir embora sem pagar a conta. O comerciante, então, saiu do bar e foi cobrar os jovens na calçada, quando um deles o agrediu verbalmente. Ivanildo teria, segundo testemunhas, desferido um tapa em um dos adolescentes, que sacou a pistola e efetuou os disparos fatais.
O crime aconteceu por volta das 18h30, quando a equipe de salvamento do 2º Grupamento de Bombeiros Militar foi acionada para atender vítima que trabalhava para sustentar a mãe e uma sobrinha adolescente
Equipes dirigiram-se para o cruzamento das ruas Cafelândia com a W-4. No local, encontraram o comerciante sem vida, caído na calçada envolto a uma possa de sangue. Ao seu lado, cápsulas deflagradas de uma pistola calibre 7.65 mm.
A Polícia Militar realizou os levantamentos preliminares até a chegada da Polícia Civil e Perícia Técnica. As testemunhas disseram que o homicida teria sido um jovem que trajava camiseta laranjada, short de cor escura, boné escuro, magro e moreno. Uma segunda testemunha identificou o homicida e disse que o grupo havia fugido pela rua W-14, em direção a rua Hayel Bon Faker.
Com a identidade do assassino, a polícia iniciou os trabalhos para tentar localizá-lo, o que acabou acontecendo pouco mais de uma hora depois do crime. O menor que confessou ser o autor dos disparos que mataram o comerciante, entregou a pistola 7.65 mm aos policiais. Durante uma busca mais detalhada pela casa do rapaz, os policiais encontram ainda um revólver calibre 32, municiado; munição de pistola 9mm; munição de revólver calibre 38; munição de Fuzil Automático Leve (FAL) e munição de metralhadora Ponto50, de uso exclusivo das Forças Armadas.
O outro menor que estava no bar também foi detido pela polícia, junto com a garota que estava com ele na hora do crime. Apenas uma adolescente não havia sido apreendida até o fechamento desta edição. Os nomes dos acusados pelo assassinato do comerciante não podem ser divulgados na reportagem porque eles são protegidos pelo Estatuto da Criança e Adolescente (ECA).
 
 
 
Dourados Agora

Deixe seu Comentário

Leia Também

CASO DE POLÍCIA
Catador de reciclável recebe mochila com bebê congelado dentro
LUTO NA MÚSICA
Cantor sertanejo morre após carro bater em árvore em rodovia de MS
FAMOSOS
David Brazil causa ao expor bumbum de Anitta sem ela saber
ACIDENTE FATAL
Câmera de segurança registrou acidente fatal de enfermeira. VEJA O VÍDEO
MONSTRUOSIDADE
Homem que matou mãe e filha em Cascavel escreveu carta. Bebê tomou mamadeira “batizada”
ESTUPRO DE VULNERÁVEL
Mulher e marido são presos suspeitos de estuprar menina de 11 anos que dormia na casa deles
SUPERSTIÇÃO
Primeira sexta-feira 13 do ano com noite de lua cheia pode ser perigosa, alerta taróloga
ESPORTE
Poderá o poker se tornar olímpico?
BORA PRA BONITO - MS
Conheça as belezas do Parque das Cachoeiras em Bonito (MS)!
FAMOSIDADES
Vera Fischer é vista brigando em hotel, e uso de bebida alcoólica preocupa amigos