Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
domingo, 15 de setembro de 2019
SADER_FULL
Busca
AGÊNCIA BONITO THIAGO
Brasil

Comandante Geral põe fim às siglas dentro da PM de MS

29 Mar 2007 - 04h50
As siglas como Rotai, Cgcoe e Getam, estão com os dias contados. Por determinação do novo Comandante Geral da Polícia Militar de Mato Grosso do Sul, Geraldo Garcia Orti, os policiais que integram esses ‘esquadrões de elite’ usaram fardamento igual aos demais (azul petróleo) e serão tratados da mesma forma, ou seja, sem privilégios ou regalias. A informação foi prestada pelo próprio Coronel Orti, em entrevista exclusiva ao Perfil News na tarde de terça-feira, no Comando Geral da PM, em Campo Grande.

Para Orti, ‘não existe a necessidade de haver uma polícia dentro da própria polícia, como ocorre atualmente. Todos têm de ser nivelados como ótimos policiais. Não existe o policial bom, melhor e o ótimo’, explicou. Outra mudança explicada será a viatura usada pela atual Rotai. ‘Ela não terá nomenclatura e serão iguais as demais da Corporação, falou.

O comandante falou também do retorno de policiais cedidos e que a partir de agora retornarão para os quartéis. Um decreto deve ser assinado pelo governador André Puccinelli (PMDB) disciplinando essas liberações. 


O comandante do 2º BPM, Edson Machado, foi procurado pela reportagem para falar sobre as mudanças propostas, mas foi informada que ele está em Campo Grande, onde participa de seminário que reúne todos os comandantes de corporação do Estado.

 

 

 

Perfil News


Deixe seu Comentário

Leia Também

ASSASSINATO
PM é torturado e morto após circular boato de que seria 'estuprador'
JULGAMENTO
PMs acusados de chacina taparam câmera de segurança antes do crime
CASO DE POLÍCIA
Catador de reciclável recebe mochila com bebê congelado dentro
LUTO NA MÚSICA
Cantor sertanejo morre após carro bater em árvore em rodovia de MS
FAMOSOS
David Brazil causa ao expor bumbum de Anitta sem ela saber
ACIDENTE FATAL
Câmera de segurança registrou acidente fatal de enfermeira. VEJA O VÍDEO
MONSTRUOSIDADE
Homem que matou mãe e filha em Cascavel escreveu carta. Bebê tomou mamadeira “batizada”
ESTUPRO DE VULNERÁVEL
Mulher e marido são presos suspeitos de estuprar menina de 11 anos que dormia na casa deles
SUPERSTIÇÃO
Primeira sexta-feira 13 do ano com noite de lua cheia pode ser perigosa, alerta taróloga
ESPORTE
Poderá o poker se tornar olímpico?