Menu
LIMIT ACADEMIA
sexta, 22 de fevereiro de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Com César Sampaio, São Paulo tenta parar ascensão santista

10 Jul 2004 - 10h25
O São Paulo vai usar a experiência do estreante César Sampaio, 36, para tentar interromper a ascensão santista no Campeonato Brasileiro. Comandado por Vanderlei Luxemburgo, o Santos venceu os últimos cinco jogos que disputou --o técnico não esconde que a liderança da competição é o seu objetivo. A partida será disputada às 16h, na Vila Belmiro.

No momento, o Santos ocupa a quarta posição do Nacional, com 22 pontos. O São Paulo é o segundo, com 24, e, depois de um momento turbulento, logo após a eliminação na Taça Libertadores da América, recuperou a força e venceu as duas últimas partidas que disputou.

Para o jogo desta tarde, além da vantagem de jogar em seu estádio, o Santos vai enfrentar um adversário com forças bem reduzidas.

O técnico Cuca não vai poder contar com oito jogadores. Diego Tardelli, Cicinho e Alexandre estão suspensos. Luis Fabiano defende a seleção brasileira na Copa América. Rodrigo e Edcarlos estão machucados, enquanto Jean não pode jogar por causa de uma pendência jurídica com seu ex-clube, a Ponte Preta. Completa a lista Fábio Simplício, afastado até acertar ou não a renovação de seu contrato.

Sem eles, Cuca recorreu às categorias de base e também ao volante César Sampaio. O jogador, que estava no futebol japonês, se apresentou na terça-feira, pouco treinou e já foi escalado. O técnico não escondeu que, em uma situação normal, Sampaio teria mais tempo para melhorar a forma física e conhecer o grupo.

"Ele está chegando agora. Ele me pediu para treinar e me passar o que estava sentindo. Depois, me disse que, se o time estivesse com força máxima, não pediria para jogar, mas dentro da necessidade, gostaria de ajudar", reconheceu o treinador.

Cuca admite que, para conseguir um bom resultado na Vila Belmiro, o São Paulo vai precisar se superar jogando com muita disposição. "A nossa arma é o coração. Os jogadores sabem de suas limitações, mas precisam compensar com outras virtudes, jogando com alma", explicou o treinador.

Já os santistas não escondem que querem explorar a debilidade do adversário nesta partida para ganhar mais três pontos e avançar um pouco mais na tabela de classificação.

"Temos que continuar vencendo para alcançarmos a liderança, que é a nossa meta", afirmou o treinador.

A equipe santista vai estar desfalcada do lateral-esquerdo Léo, que estava suspenso e não participou da goleada de 4 a 0 sobre a Ponte Preta na última rodada.
 
 
Folha Online

Deixe seu Comentário

Leia Também

CORTE CEGO
Megaoperação da PM em 18 bairros tem três mortos e cinco feridos
PERSISTÊNCIA
Ex-faxineiro se forma em Jornalismo e já está empregado
O QUE IMPORTA PARA VOCÊ?
Equipe médica leva paciente de UTI à formatura do filho
INDIGNAÇÃO
Pedreiro desafia Rodrigo Maia: 'Trabalhe 30 dias numa obra, que trabalho até os 80'
AMOR INCONDICIONAL
Cadela espera toda noite pela chegada de Boechat, diz mulher do jornalista
VIOLENCIA DOMESTICA
Reconstrução de rosto de mulher espancada na Barra vai durar seis meses, diz médico
REFORMA DA PREVIDÊNCIA
Aposentadoria é para viver, não para receber só à beira da morte
CHANTAGEM
Ladrões invadem estabelecimentos, obrigam funcionárias a tirarem a roupa, filmam e extorquem vítimas
FORAGIDO
Atirador invade escritório de advocacia e mata duas pessoas
BBB 19
Rízia chora por estar acorrentada: 'Vontade de desistir'