Menu
SADER_FULL
quarta, 23 de janeiro de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Com 10ª formação diferente, Brasil enfrenta a Colômbia

13 Out 2004 - 09h57
A seleção brasileira enfrenta a Colômbia, nesta quarta-feira, às 21h50, no estádio Rei Pelé, em Maceió (AL), com sua décima formação diferente em dez jogos nas eliminatórias sul-americanas para a Copa-2006.

Até agora, o técnico Carlos Alberto Parreira não conseguiu, por opção própria ou por problemas de suspensão ou lesões, repetir a mesma escalação em mais de uma partida no classicatório sul-americano.

Em relação ao time que começou o jogo contra a Venezuela (vitória por 5 a 2), Parreira fará duas mudanças --Magrão entra no lugar de Juninho Pernambucano, machucado, e Adriano, na vaga de Kaká, suspenso.

Se for comparado à equipe que estreou na competição contra a própria Colômbia, em setembro de 2003, seis serão titulares nesta quarta --Dida, Cafu, Roque Júnior, Roberto Carlos, Zé Roberto e Ronaldo.

Antes da goleada sobre os venezuelanos, o próprio Parreira havia destacado que a seleção vinha passando por mudança graduais em relação ao time titular que foi pentacampeão mundial na Copa-2002.

"As mudanças são feitas conforme são necessárias. Mas, se for feita uma análise desde o início [do trabalho de Parreira], vocês podem ver que já foram feitas muitas mudanças", disse o treinador.

Na partida desta quarta-feira, a equipe nacional defende a liderança das eliminatórias e também o tabu de jamais ter perdido para o rival na competição --foram sete partidas, com cinco vitórias e dois empates.

O aproveitamento de pontos (81%) é o segundo melhor do Brasil contra os demais países que disputam o classificatório. Só diante da Venezuela (ganhou os 16 jogos disputados), o Brasil tem desempenho superior.

Único invicto das eliminatórias sul-americanas (cinco vitórias e quatro empates), o Brasil lidera com 19 pontos, um de vantagem para a Argentina. A Colômbia aparece em penúltimo lugar, com nove pontos.

BRASIL
Dida; Cafu, Juan, Roque Júnior e Roberto Carlos; Magrão, Renato, Zé Roberto e Ronaldinho; Adriano (Alex) e Ronaldo.
Técnico: Carlos Alberto Parreira

COLÔMBIA
Calero; Perea, Córdoba, Yepes e Bedoya; Grisales, Díaz, Restrepo, Oviedo e Pacheco; Angel.
Técnico: Reinaldo Rueda

Local: estádio Rei Pelé, em Maceió
Juiz: Jorge Larrionda (URU)
Horário: 21h50
 
 
Folha Online

Deixe seu Comentário

Leia Também

PERSISTÊNCIA
Filho de faxineira e porteiro passa em medicina no Paraná
RENOVAÇÃO LICENÇA
Extinção de mais 130 rádios comunitárias no Brasil deve alcançar emissora de Ponta Porã
CENAS FORTES
Vídeo flagra mulher sendo agredida por ex-marido com socos e chutes
GUERRA NO RJ II
Parentes de mortos durante chacina em São Gonçalo e Itaboraí dizem que vítimas eram inocentes
GUERRA NO RJ
Chacina deixa pelo menos 7 mortos na Região Metropolitana do Rio
BBB 19
Famosos protestam contra Maycon por agredir animais e mãe o defende: 'Não é um monstro'
MORTE A ESCLARECER
Exército investiga morte de sargento após teste de aptidão física
CASO DE POLÍCIA
Rapaz morre em pátio de motel
MINISTRA DO MS NO GOVERNO BOLSONARO
Ministra Tereza Cristina garante fortalecer cadeia do leite e agricultura familiar
PROBLEMAS MENTAIS
Casal é brutalmente agredido a enxadadas pelo filho