Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sexta, 14 de dezembro de 2018
LIMIT ACADEMIA
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Colômbia admite desistir da candidatura para Copa de 2014

23 Mar 2007 - 04h35
A Colômbia admite a possibilidade de desistir da candidatura para sede da Copa de 2014, o que deixaria o Brasil como único candidato. O presidente da Federação Colombiana de Futebol, Luis Bedoya, explicou que as exigências da Fifa para o país que organiza um Mundial são enormes e que isso será analisado nos próximos dias pelos dirigentes.

A candidatura colombiana causou surpresa no mundo do futebol. Foi ignorada pela Conmebol, que deu total apoio ao Brasil na disputa por 2014, e ainda recebeu duras críticas da Fifa - o presidente da entidade, Joseph Blatter, chegou a insinuar que a iniciativa era apenas marketing da Colômbia.

O maior entusiasta da candidatura é o governo colombiano. Tanto que o vice-presidente do país, Francisco Santos, esteve semana passada, junto com Luis Bedoya, na sede da Fifa, na Suíça, para conversar com Blatter e mostrar o real interesse em organizar a Copa.

Mas, na volta dessa viagem para a Suíça, Luis Bedoya reconheceu que os desafios impostos pela Fifa são difíceis de serem cumpridos e indicou que pode haver uma desistência. "A Federação terá de tomar uma decisão rapidamente sobre a ratificação ou não da candidatura para sede apresentada em dezembro e vigente até 16 de abril (data da entrega dos cadernos de encargos exigidos pela Fifa)", explicou o dirigente. "Isso será tema de profunda análise, pois a questão tem muitos fatores, inclusive políticos."

Sem apoio da Fifa e da Conmebol, os dirigentes colombianos temem repetir o fracasso de 1986, quando o país era sede da Copa mas não conseguiu organizá-la por problemas financeiros. Assim, coube ao México sediar aquele Mundial.

Enquanto isso, indiferente às dúvidas colombianas e consciente do amplo favoritismo brasileiro na disputa, o presidente da CBF, Ricardo Teixeira, já busca apoio para sediar a Copa de 2014 no País. Ele tem visitado algumas cidades, conversando com os governantes e recebendo promessas de investimentos para a organização do Mundial.

A Fifa pretende anunciar oficialmente a sede da Copa do Mundo de 2014 em novembro deste ano.

 

 

Estadão

Deixe seu Comentário

Leia Também

STARTUPS NO BRASIL JÁ É SUCESSO
O sucesso das startups no Brasil e algumas novas apostas no mercado
REVOLTANTE
Filha de João de Deus diz que foi abusada dos 10 aos 14 anos: 'Meu pai é um monstro'
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Robério beija Marcos Paulo e a agride ao descobrir que ela é trans
DESTAQUE MUNDIAL
Dois brasileiros estão no Top 50: melhores professores do mundo
JUSTIÇA - WHATSAPP
Administradora de grupo no WhatsApp, foi “condenada” á pagar 3 mil por discussão de membros
DICAS DE SERVIÇO DE HOSPEDAGEM NA WEB
Vai criar um blog ou um site?, saiba aqui tudo sobre o serviço de hospedagem
ALERTA NA NET
Golpe no WhatsApp engana usuários ao prometer brindes falsos de Natal
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Luz passa mal ao abraçar e beijar a mãe pela primeira vez
FURACÃO
Atlético-PR ganha nos penaltis e é campeão da Sul-Americana
PROVAS ROBUSTAS
PF apreende R$ 2 milhões em busca em endereços de Aécio e aliados de Temer