Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
segunda, 17 de fevereiro de 2020
SADER_FULL
Busca
Brasil

Clubes têm 40 dias para propor solução das dívida com INSS

30 Jun 2004 - 06h54
Os clubes de futebol apresentarão ao Ministério da Previdência Social, em 40 dias, um estudo para solucionar suas dívidas, que já chegam a R$ 404 milhões. O compromisso foi firmado durante reunião na Comissão de Seguridade Social da Câmara dos Deputados, com dirigentes de clubes, federações, Confederação Brasileira de Futebol (CBF), representantes da Previdência e o relator da subcomissão especial que trata da recuperação de créditos previdenciários, deputado Alexandre Cardoso (PSB/RJ).

O estudo deverá apontar as causas do endividamento dos clubes com o INSS (Instituto Nacional do Seguro Social), possíveis mudanças na legislação e a forma de renegociar os débitos.O gerente de Segmento da Área de Futebol do INSS, Sérgio Falcão, revelou na reunião que a partir de 1993 a dívida se formou com a falta de repasse das constriuições descontadas dos salários dos empregados, pelos clubes e federações. “Isso é crime de apropriação indébita”, disse.

O gerente apresentou uma estimativa segundo a qual, como empresas, os clubes teriam que desembolsar quatro vezes mais em relação à contribuição atual. “A forma de pagamento, hoje, é muito benéfica para os clubes de futebol. Mesmo assim, eles não pagam”, afirmou. De acordo com Falcão, dos atuais R$ 404 milhões de dívidas, R$ 215 já são dívida ativa, “não há mais o que contestar”.

O presidente do Vasco, Eurico Miranda, contestou os dados apresentados por Falcão. “O clube que deixou de pagar é porque pagou um outro tipo de despesa. Há clubes que não devem nada, a coisa não é geral como se coloca”, afirmou. Para ele, “é preciso mudar grande parte da legislação da Previdência com os clubes de futebol”.
 
Agência Brasil

Deixe seu Comentário

Leia Também

FEMINICIDIO
Mulher é morta com tiro na cabeça na frente dos filhos
FAMOSOS
Chorando, sertanejo Zezé di Camargo faz grave revelação sobre luta de seu pai contra doença
APLICATIVO
Justiça trabalhista admite como prova conversas por WhatsApp
ATENTADO A ESCLARECER
Deputado federal de MS diz que seu carro foi atingido por 5 tiros e que revidou
MEDULA ÓSSEA
Jovem fica paraplégica por causa de um piercing
ABSURDO
Professora é envenenada em sala de aula por alunos do 4º ano
COMOÇÃO
Despedida de Júlia é um dos velórios mais tristes que Brasília já viu
FAMOSIDADES
Pai do sertanejo Zezé di Camargo, está em situação gravíssima de saúde
VICENTINA - PESQUEIRO 7 BELLO
Domingo especial no Pesqueiro 7 Bello com almoço e o 3º Torneio de Pesca Esportiva em Vicentina
FAMOSIDADES
“Já estou com saudades”, lamenta Ana Maria Braga pela morte da cachorrinha