Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sexta, 19 de julho de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
AGÊNCIA BONITO THIAGO
Brasil

Cheias deixam pelo menos 1,5 mil desalojados no RS

12 Jul 2007 - 17h00
A elevação do nível dos rios no Rio Grande do Sul deixou pelo menos 1,5 mil desabrigados, segundo levantamento da Defesa Civil. As regiões mais atingidas são os vales do Taquari e do Caí.
 
Na noite de quarta-feira (11), o prefeito de São Sebastião do Caí (RS), Léo Klein, decretou estado de emergência na cidade. Segundo ele, entre 80 e 85 famílias – cerca de 400 pessoas – estão abrigadas no Centro Integrado do Bairro Navegantes e nas garagens da Secretaria Municipal de Obras.
 
Em Encantado (RS), o Rio Taquari subiu 18 metros acima do nível normal e invadiu diversas residências. O município registrou o maior número de desabrigados no estado, cerca de mil pessoas.
 
O pedreiro Caue Porto de Souza, 24 anos, não sabe o que fazer com os móveis sujos e molhados. “O cara está começando agora e acontece uma coisa dessas. Para recomeçar, fica difícil”, afirma. A família de Souza vai se revezar para varrer a lama e lavar os pertences.
 
De acordo com o secretário municipal de Obras, Sérgio Luiz Zamboni, a Prefeitura de Encantado pretende recolocar essas pessoas em seus lares e, por enquanto, não está tomando medidas de precaução com base na previsão do tempo. Cerca de 50 pessoas continuam em casas de parentes ou no ginásio municipal.
 
 
G1
 

Deixe seu Comentário

Leia Também

VICENTINA SENDO REPRESENTADA NO RJ
Vicentina será representada no Internacional de Masters South América de Jiu-jitsu no Rio de Janeiro
POLITICA
'Falar que passa-se fome no Brasil é uma grande mentira', afirma Bolsonaro
NOVELA GLOBAL
Maria da Paz se recusa a enxergar caráter de Josiane em 'A dona do pedaço'
REGIME SEMIABERTO
Goleiro Bruno deve sair da cadeia no fim da tarde desta sexta-feira
CASO RARO
Bezerro de seis patas chama atenção moradores de Santa Helena – Veja Vídeo
MONSTRUOSIDADE
Vizinho é preso suspeito de estuprar e estrangular menina de 8 anos
CASA PRÓPRIA
Recurso de R$ 1 bilhão é destinado ao Minha Casa, Minha Vida
VIDA SAUDÁVEL
Homem mais velho do Brasil falece no Rio de Janeiro
BASTA DE IMPRUDÊNCIA
Enlutada pelas mortes, população deixa faixa contra imprudência na PR-082
VIOLENCIA
Motorista atropela manifestantes do MST e mata um idoso