Menu
SADER_FULL
terça, 19 de março de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Central já recebe embalagem de agrotóxico em Naviraí

15 Out 2004 - 14h17
A recém criada Associação dos Revendedores de Agrotóxicos de Naviraí (ARANAV), começou nesta quinta-feira (14) a receber as embalagens vazias na Central de Recebimento de Embalagens Vazias de Agrotóxicos, implantada recentemente no quilômetro três da estrada da balsinha, próximo a BR-163.
A iniciativa é dos 12 empresários que revendem defensivos agrícolas e cooperativas que formaram a associação e fizeram uma parceria com o Instituto Nacional de Processamento de Embalagens Vazias (Inpev). O presidente da Aranav, Carlos Kogawa, informou que no local deve haver apenas o recebimento e o encaminhamento das embalagens vazias para duas empresas de São Paulo e Rio de Janeiro. Algumas embalagens deverão ser descartadas, e poderão ser enviadas em separado, para a incineração.
A capacidade para o processamento é de 300 toneladas de embalagens ao ano, na central de recebimento de embalagens de agrotóxicos de Naviraí, localizada em uma área construída de 570 metros quadrados, no terreno de três mil metros quadrados. Durante o primeiro ano de atividade, a expectativa é de receber 80 toneladas.
Com 120m² destinados ao recebimento de embalagens não-lavadas e 400 metros quadrados para o armazenamento de embalagens lavadas, a central atenderá a seis municípios do Mato Grosso do Sul (Naviraí, Itaquiraí, Iguatemi, Juti, Eldorado e Mundo Novo) produtores de soja, milho, algodão e cana de açúcar.

NO ESTADO
Responsável pelo recolhimento de 478,7 toneladas de embalagens vazias de agrotóxicos de janeiro a julho de 2004, o Mato Grosso do Sul possui outras sete Unidades de Recebimento localizadas nos municípios de Campo Grande, Chapadão do Sul, Dourados, Maracaju, Ponta Porã, Rio Brilhante, e São Gabriel D’Oeste. Só no mês de julho os agricultores do Estado devolveram 99 toneladas de embalagens.
Em operação com mais de 265 Unidades de Recebimento de Embalagens em todo Brasil, o sistema de destinação final de embalagens vazias de agrotóxicos possui 80.000 metros quadrados de área construída e ambientalmente licenciada dedicada ao recebimento das embalagens. O esperado é encerrar 2004 com cerca de 300 Unidades de Recebimento e para o próximo ano a meta é alcançar algo em torno de 350 Unidades.
 
 
 
 
 
Naviraí News

Deixe seu Comentário

Leia Também

FATALIDADE
Mulher morre ao cair de pé de abacate e bater cabeça na linha do trem
MANIACO SEXUAL
Pai flagra estupro da filha dentro de casa usando o celular, suspeito foi preso
FAMOSIDADES
Quem era Bettina antes do R$ 1 Milhão: Ela foi professora de balé, modelo e panfleteira
MENTOR DO MASSACRE
Polícia de Suzano apreende menor suspeito de planejar ataque
INTERNADO
Criança de 4 anos cai em poço de cinco metros de profundidade
RESGATADO
Cão abandonado em ilha estava sendo comido vivo por urubus
SEXTUPLOS
Americana dá à luz seis bebês em nove minutos
TRAGÉDIA EVITADA
Garoto de 11 anos leva faca na mochila para matar colega no ônibus escolar
ALERTA AOS PAIS
Menino de quatro anos corta os pulsos em Goioerê e pode ser influência da Momo
FAKE NEWS
Padre Fábio de Melo desmente texto atribuído a ele sobre o ataque em Suzano