SUCURI_MEGA
FatimaNews - Notícias de Fátima do Sul e região
Fátima do Sul, 16 de Dezembro de 2017
DELPHOS_FULL
RIO_DOURADOS
6 de Dezembro de 2004 15h08

Cassems faz assembléia para discutir cobrança maior

A Cassems (Caixa de Assistência dos Servidores de MS) promove uma assembléia no próximo dia 21 para apresentar aos beneficiários a proposta de reajuste do desconto dos servidores afim de poder aplicar a chamada a CBHPM (Classificação Brasileira Hierarquizada de Procedimentos Médicos), tabela de cobrança dos médicos pelos procedimentos. Desde novembro do ano passado, começou um desligamento em série de médicos especialistas que não aceitaram mais continuar em planos de auto-gestão, como é o caso da Cassems, em função dos valores pagos pelos serviços.
Na reunião, a direção do plano irá demonstrar que não tem condições de arcar com o reajuste da tabela e restabelecer atendimentos se não repassar para a contribuição. Atualmente, o servidor para 3% do salário e o governo emenda com outros 3% para pagar pelos serviços médicos. A intenção é dobrar a contribuição do servidor a partir do salário de janeiro.
O conveniado com menor salário- de R$ 318, paga R$ 9,54 e o governo a mesma quantia. A contribuição do Executivo será mantida e o servidor passará a pagar R$ 19,08 para o atendimento dele e da família. A média salarial dos contribuintes é de R$ 1.085,00, devendo a mensalidade atual, de R$ 32,55 subir para R$ 65,10.
Em entrevista concedida em agosto ao Campo Grande News, o diretor da Cassems, Lauro Davi, explicou que o plano gasta R$ 2,4 milhões para o pagamento dos 2 mil médicos credenciados. Para 2005, o valor deve chegar a R$ 4,3 milhões.
Serviço: A assembléia com servidores será no teatro Dom Bosco, a partir de 14h. Somente os titulares do convênio poderão participar e votar.
Comentários
Veja Também
LISTINHA_ONLINE
ÓTICA_DOURADOS
pupa
Últimas Notícias
  
FORTALEZA
Eventos
dothCom © Copyright FatimaNews - Todos os Direitos Reservados.