Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quinta, 12 de dezembro de 2019
SADER_FULL
Busca
DIAMONT EVENTOS
Brasil

Cassems diz que arrecadação é insuficiente para pagar médico

4 Ago 2004 - 13h50
Os R$ 3 milhões arrecadados mensalmente pela Cassems (Caixa de Assistência dos Servidores do Estado de Mato Grosso do Sul) são insuficientes para promover o aumento no valor do repasse para os médicos, previsto para acontecer a partir de janeiro, conforme apontam as negociações. De acordo com o presidente da Cassems, Lauro Sérgio Davi, os médicos recebem de 20 a 24% por procedimento e devem passar a receber de 37 a 42%.

Porém este aumento só será possibilitado com o aumento, em torno de 50%, da arrecadação da Caixa de Assistência, que deverá ser paga pelo servidor estadual, através de aumento no valor cobrado pelo plano de saúde. Lauro Sérgio explicou que R$ 2,4 milhões da arrecadação vão para os médicos e o restante, R$ 600 mil, são destinados a funções administrativas, como aluguéis, construção de novas sedes e pagamento de funcionários.

“A partir de janeiro a contribuição do servidor vai sofrer aumento, se não, a Cassems não sobrevive”, finalizou o presidente, explicando, durante entrevista ao Programa Noticidade (97 FM), que a única forma de aumentar a arrecadação é aumentado a contribuição individual.

 

 

 

Mídia Max

Deixe seu Comentário

Leia Também

FÁTIMA DO SUL - ALERTA
Pedófilos se passam cantora e ameaçam crianças que mandam até nudes, caso aconteceu em Fátima do Sul
ALERTA NAS ESTRADAS
Justiça determina que PRF volte a usar radares móveis em rodovias
INCENDIO CRIMINOSO
Moça morre após ter corpo queimado em incêndio provocado por criminosos
ANOMALIA
Bezerro nasce com duas cabeças e rabo de porco – VEJA VÍDEO
OPORTUNIDADES
Marinha abre concurso com 900 vagas para Aprendizes Marinheiros
TRAGEDIA NA RODOVIA
Acidente entre quatro caminhões e um carro mata cinco pessoas na BR-116, diz PRF
PACOTE NATAL EM FAMÍLIA EM BONITO
Águas de Bonito é Hotel, Agência e Restaurante em um só lugar, veja o pacote de Natal em Bonito (MS)
SEPULTADOR
Coveiro do Cemitério do Caju enterrou a própria mãe, um filho e a ex-mulher
PRISÃO EM SEGUNDA INSTÂNCIA
CCJ aprova prisão em segunda instância e Simone marca votação definitiva
FEMINICIDIO X SUICIDIO
Gerente mata ex e comete suicídio em loja de pneus