Menu
CÂMARA FÁTIMA DO SUL OUTUBRO 2019
quinta, 17 de outubro de 2019
SADER_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Capoeiristas propõem reconhecimento profissional ao MEC

14 Set 2004 - 15h58
No 7º Fórum Nacional de Capoeira, que ocorre na Câmara, o presidente da Confederação Brasileira de Capoeira, Gersonilto Heleno de Sousa, anunciou que a categoria vai encaminhar ao Ministério da Educação proposta solicitando o reconhecimento da profissão de capoeirista. Para isso, o profissional precisaria fazer um curso de tecnólogo. “Somos uma categoria séria, que busca a profissionalização”, disse. Os subsídios dessa proposta estão sendo debatidos no fórum.
O deputado Philemon Rodrigues (PTB-PB) concorda com a necessidade de se fortalecer o esporte. “A capoeira envolve grande camada da sociedade e o Governo não pode ficar alheio a essa atividade, uma vez que ela melhora o nível cultural do brasileiro”, afirmou.
Na opinião do deputado Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP), é necessário tirar a capoeira da coordenação do Conselho Federal de Educação Física. Ele é autor de projeto de lei que reconhece a capoeira como dança, competição e luta, dando poderes próprios à Confederação Brasileira de Capoeira para regulamentar e fiscalizar sua prática. De acordo com o deputado, o Conselho Federal de Educação Física acaba impedindo a prática pelas exigências absurdas que tem feito. Uma delas é de que o professor de capoeira seja formado em Educação Física.
 
Agência Câmara

Deixe seu Comentário

Leia Também

SORTUDO
Fotaleza tem o mais novo milionário da Mega Sena
NOVELA GLOBAL
Amadeu abandona defesa de Josiane durante o julgamento da vilã em 'A dona do pedaço'
HOMOFOBIA
Filho de Mauricio de Souza desabafa após ataques homofóbicos: 'Desejam que eu apanhe'
BRIGA DE TORCIDAS
Torcedores do Vasco são espancados ao tentarem ir para jogo
INTERVENÇÃO CIRÚRGICA
Atriz Claudia Rodrigues é internada às pressas em SP após passar mal
LATROCINIO
Pastor é baleado e morre em assalto; um suspeito foi preso e outro fugiu
TRAGÉDIA COM 6 MORTES
Acidente em Doutor Ulysses: vítima gravou áudio minutos após tragédia
COMPRAS NO PARAGUAY
Bolsonaro anuncia aumento de US$ 200 no limite em compras no PY
#Nem1SemProfessor
Campanha cria hashtags para publicação de histórias sobre mestres no Dia do Professor
JULGAMENTO DE LULA
STF marca para quinta-feira julgamento que pode definir liberdade de Lula