Menu
SADER_FULL
domingo, 19 de agosto de 2018
LIMIT ACADEMIA
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Candidato a Prefeito em Deodápolis esta inelegível, diz TJ

3 Ago 2004 - 09h27

O Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul manteve a condenação do ex-prefeito de Deodápolis e atual candidato a sucessão municipal pelo PSDB, Manoel José Martins, ao negar ontem o recurso impetrado pelo seu defensor jurídico. Com isso, Manezinho esta inelegível por um período de cinco anos. Conforme a sentença proferida pela Juíza da Comarca de Deodápolis, Marli Miyashita Nishimura, no inicio de maio.

O ex-prefeito, juntamente com seu irmão Ademir Antonio Martins (na época secretário municipal de Administração), respondia um processo por irregularidade administrativa, referente a aquisição de mudas de árvores da empresa Mudas Primavera localizada em Fátima do Sul. Segundo o processo, em abril de 1994, o município fez a aquisição de 6.892 mudas de árvores nativas, que seriam utilizadas na urbanização da zona urbana do município, perfazendo um valor de R$ 31,570. Na ocasião, o pagamento da nota fiscal foi efetuado antes mesmo da Muda Primavera fazer a entrega do produto, ou seja, antecipadamente. Ainda conforme a sentença, a Administração teria realizado dois empenhos no mesmo dia com valores diferentes. Sendo assim, a juíza caracterizou como improbidade administrativa, atestando lesão do erário.

Além de inelegíveis, Manezinho e o irmão ainda terão que devolver ao município os valores integrais da compra das mudas (R$ 31,750) e do serviço de poda das árvores (R$ 600). Todos estes valores devem ser devolvidos com a devida correção monetário, conforme cálculos do IGPM/FGU, mais os juros de mora de 0,5% ao mês contados a partir da data da intimação.

 

 

Diário MS

Deixe seu Comentário

Leia Também

FAMOSIDADE - SUSPIROS
Sem calcinha, Juju Salimeni compartilha foto ousada
VICENTINA - ALMOÇO NO PESQUEIRO
Confira o cardápio do delicioso almoço neste domingo no Pesqueiro 7 Bello em VICENTINA
CRIME PASSIONAL
Marido flagra esposa com suposto amante e caso termina em morte
NOVELA GLOBAL
Remy pode não ter morrido em 'Segundo sol'; veja os indícios
TECNOLOGIA
Segunda via do RG pode ser solicitada pela internet
BOA AÇÃO
Empresário curado faz doação milionária para hospital público
VIOLENCIA
Homem desce do carro e mata mulher com tiro a queima roupa
NOVELA GLOBAL
'Segundo sol': Laureta confessa que matou Remy; Karola foi cúmplice
PRESO EM 2010
Morre o homem apontado como maior contrabandista de cigarros do País
ELEIÇÕES 2018 - REGISTRO FEITO
AGORA: PT registra candidatura de Lula e tem até 17 de setembro para trocar candidato