Menu
SADER_FULL
sábado, 23 de fevereiro de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Câmara aprova projeto que muda regras do crédito imobiliário

8 Jul 2004 - 13h06
A Câmara dos Deputados aprovou, no final da noite desta quarta-feira, o projeto amplia os direitos dos mutuários, tornando mais segura a compra financiada de imóveis e  que cria um regime de tributação especial para o setor imobiliário. As novas normas deverão ativar a construção civil no Brasil e facilitar a compra de imóveis, por meio de uma metodologia moderna de financiamento que também permitirá que os juros baixem.
O presidente da Comissão Especial que discutiu as regulamentação do crédito imobiliário, deputado Murilo Zauith (PFL-MS), disse que o projeto vai fazer com que, no momento em que a empresa incorporar o imóvel, o patrimônio incorporado não será afetado pelo patrimônio da própria empresa. Ele explicou que a nova lei vai impedir que ocorra casos como o da Encol, cujos compradores foram penalizados com a falência da empresa.
Segundo o parlamentar pefelista, com a nova lei a obra não afeta o
patrimônio da empresa e esse não afeta a obra. "Isso dá mais segurança às pessoas que sonham em ter sua casa própria, que pegam dinheiro da sua poupança e investem num imóvel que ainda está na planta, sem saber o que pode ocorrer amanhã", assegurou Zauith.
Com o projeto, os adquirentes de imóvel na planta vão ter segurança, vão poder formar uma comissão de no mínimo três participantes e a cada três meses a incorporadora será obrigada a apresentar o balanço daquela obra, com os encargos recolhidos, com o material consumido na obra pago. Assim, eles vão poder acompanhar todo o ritmo da obra.
"O projeto, para incentivar essas incorporações, pegou todos os encargos federais, impostos, contribuições e juntou num só valor. A obra vai recolher somente 7%. Isso é para incentivar e fazer com que fique separado da empresa esses encargos" finalizou o deputado pelo MS.
 
 
Fátima News

Deixe seu Comentário

Leia Também

CORTE CEGO
Megaoperação da PM em 18 bairros tem três mortos e cinco feridos
PERSISTÊNCIA
Ex-faxineiro se forma em Jornalismo e já está empregado
O QUE IMPORTA PARA VOCÊ?
Equipe médica leva paciente de UTI à formatura do filho
INDIGNAÇÃO
Pedreiro desafia Rodrigo Maia: 'Trabalhe 30 dias numa obra, que trabalho até os 80'
AMOR INCONDICIONAL
Cadela espera toda noite pela chegada de Boechat, diz mulher do jornalista
VIOLENCIA DOMESTICA
Reconstrução de rosto de mulher espancada na Barra vai durar seis meses, diz médico
REFORMA DA PREVIDÊNCIA
Aposentadoria é para viver, não para receber só à beira da morte
CHANTAGEM
Ladrões invadem estabelecimentos, obrigam funcionárias a tirarem a roupa, filmam e extorquem vítimas
FORAGIDO
Atirador invade escritório de advocacia e mata duas pessoas
BBB 19
Rízia chora por estar acorrentada: 'Vontade de desistir'