Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quarta, 23 de janeiro de 2019
SADER_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Caarapó desenvolve programa de incentivo literário

9 Ago 2007 - 10h39

A Secretaria de Educação e Esportes de Caarapó, em parceria com o Programa Escrevendo o Futuro, da Fundação Itaú Social, está desenvolvendo ações ligadas à literatura com participação de professores cursistas - alfabetizadores da educação Infantil e professores de língua portuguesa e de literatura do Ensino Fundamental e Médio das escolas das redes municipal e estadual, incluindo a Aldeia Te`ýikue. O projeto tem por objetivo de propor aos alunos uma coleta de poemas na comunidade, com base em estudos de gêneros textuais sob o tema Catadores de Poemas, encantadores de emoções e sentimentos.

 

Vários alunos estão realizando entrevistas com professores, familiares, poetas e amantes da poesia, recolhendo depoimentos, experiências de contato com o esse gênero textual, além de coletar poemas aprendidos ou escritos por cidadãos caarapoenses. “Os relatos das entrevistas já realizadas deixam transparecer o entusiasmo dos alunos ao desafio de conhecer e reconhecer a poesia no outro”, afirma a coordenadora do programa, professora Marlene Balbueno de Oliveira Ortega, da Escola Municipal Cândido Lemes dos Santos.

 

Na opinião do secretário municipal de Educação e Esportes, professor Ismael Martins Guevara, a metodologia aplicada é de muita eficácia, pois envolve o repasse ao professor e o fazer do aluno. “Precisamos apoiar ainda mais os nossos educadores que se propõem a fazer uma educação de qualidade em nosso município”, observou.

 

Para o prefeito Mateus Palma de Farias (PR), essa ação valoriza e resgata a cultura local, além de servir para incentivar o contato dos alunos com a poesia. “É uma oportunidade também de proporcionar aos estudantes uma maneira de buscar, de descobrir, de correr atrás de seus objetivos”, argumentou.

O Programa Escrevendo o Futuro foi criado pela Fundação Itaú Social em 2002 e tem como objetivo contribuir para o aperfeiçoamento da escrita dos alunos do ensino fundamental das escolas públicas brasileiras e para a formação de educadores, professores polivalentes e de Língua Portuguesa. A organização entende que, dessa forma, contribui também para a melhoria da qualidade de ensino. Para a fundação, saber ler e escrever com competência é muito importante para a plenitude das pessoas, pois além de ser imprescindível para o sucesso na vida profissional, o domínio da leitura e escrita é fundamental para a constituição da cidadania.

 

 

 

Fátima News

Deixe seu Comentário

Leia Também

PERSISTÊNCIA
Filho de faxineira e porteiro passa em medicina no Paraná
RENOVAÇÃO LICENÇA
Extinção de mais 130 rádios comunitárias no Brasil deve alcançar emissora de Ponta Porã
CENAS FORTES
Vídeo flagra mulher sendo agredida por ex-marido com socos e chutes
GUERRA NO RJ II
Parentes de mortos durante chacina em São Gonçalo e Itaboraí dizem que vítimas eram inocentes
GUERRA NO RJ
Chacina deixa pelo menos 7 mortos na Região Metropolitana do Rio
BBB 19
Famosos protestam contra Maycon por agredir animais e mãe o defende: 'Não é um monstro'
MORTE A ESCLARECER
Exército investiga morte de sargento após teste de aptidão física
CASO DE POLÍCIA
Rapaz morre em pátio de motel
MINISTRA DO MS NO GOVERNO BOLSONARO
Ministra Tereza Cristina garante fortalecer cadeia do leite e agricultura familiar
PROBLEMAS MENTAIS
Casal é brutalmente agredido a enxadadas pelo filho