Menu
SADER_FULL
sexta, 22 de junho de 2018
PASSARELA
Busca
DR. SHAPE
Brasil

Brasileiras derrotam as gregas no segundo jogo

16 Ago 2004 - 15h53
Depois de uma partida massacrante contra as japonesas, a Seleção Brasileira feminina de basquete teve um jogo mais disputado hoje contra a equipe da Grécia. Mesmo assim, garantiu a segunda vitória na Olimpíada com o placar final de 87 a 75.

Antes do início do jogo, a preocupação era quanto ao clima da partida, já que antes dos Jogos, o Brasil realizou um amistoso contra Grécia no qual a ala-armadora Iziane agrediu uma jogadora grega. A equipe brasileira recebeu várias críticas por parte da imprensa local.

O Brasil começou o jogo mantendo uma pequena distância no placar. Mesmo assim, não encontrou dificuldades e não sentiu a presença da torcida grega. O quarto inicial estava terminando em 24 a 19 quando, faltando dois segundos, Janeth fez uma cesta incrível do meio da quadra, deixando o placar em 27 a 19. É a segunda vez em olimpíada que a veterana do grupo faz um ponto como esse. A outra ocasião foi contra a Eslováquia, na estréia do Brasil em Sydney-2000.

O Brasil voltou para o segundo quarto abrindo 11 pontos de vantagem. Mas em uma jogada individual de ataque, Iziane caiu e deixou a quadra sentindo a perna esquerda. O técnico Antônio Carlos Barbosa colocou, então, Viviane em quadra que passou a fazer uma excelente partida, junto com Leila e Karla que também entraram do banco. O segundo quarto terminou em 50 a 43 e Helen com quatro bolas de três pontos convertidas.

O segundo tempo começou com a Grécia encostando em 50 a 49 e o Brasil ficando quase 3 minutos sem nenhuma cesta marcada. As jogadoras brasileiras começaram a errar bolas fáceis no rebote, a perder contra-ataques e a pecar na marcação, possibilitando bolas de três pontos das gregas. Aos quatro minutos, o Brasil ficou atrás no placar em 56 a 57. Helen ficou quase que o 3º quarto inteiro sem marcar. Com a marcação dura, as brasileiras mudaram a tática e começaram a forçar as gregas a cometerem faltas e ficarem penduradas na partida. O Brasil conseguiu terminar o período empatado em 64.

No último quarto, o Brasil acordou e partiu para cima. Iziane fez uma bela bola de três pontos, abrindo 71 a 64. Até os 6 minutos, a Grécia perdia o quarto por 14 a 0. A partir daí, a equipe soube administrar uma boa vantagem, apesar de errar bolas fáceis no ataque.

A partida foi válida pelo grupo A. No próximo dia 18, o Brasil tem uma parada mais difícil, em jogo contra a Rússia.

Deixe seu Comentário

Leia Também

HAJA CORAÇÃO
Neymar é o autor do gol mais tardio, em tempo normal, de uma Copa na história
COPA DO MUNDO
No sufoco, Brasil supera a Costa Rica e consegue primeira vitória na Copa do Mundo
NOVELA GLOBAL
Segundo Sol: Rosa coloca fim em relação com Ícaro e ele toma atitude
SAUDE
Mulher dá a luz em calçada no Cajuru
FAMOSIDADES
Ex-apresentadora do ‘Vídeo show’, Alinne Prado sofre assalto a mão armada dentro de casa
RELIGIÃO
Padre é flagrado dando tapa em criança durante batismo
APOCALIPSE
André (Sidney Sampaio) é assassinado por Ricardo (Sérgio Marone)
DEMORA
Diesel cai R$ 0,62 em distribuidoras e apenas R$ 0,32 nos postos de MS
Brasil
Terceiro homem que assediou russa na Copa diz que “estão transformando um copo d’água em uma tempestade”
‘Alta Pressão’
Exército deflagra Operação para fiscalizar armamento e reduzir desvios para o comércio ilegal