Menu
SADER_FULL
quarta, 17 de outubro de 2018
LIMIT ACADEMIA
Busca
SICREDI_FATIMA
Brasil

Brasil tem uma das tarifas de energia mais caras do mundo

16 Jul 2004 - 16h36
 

A tarifa residencial de energia elétrica no Brasil é uma das mais caras do mundo. De acordo com pesquisa da ONG Ilumina (Instituto de Desenvolvimento Estratégico do Setor Elétrico), que inclui 31 países, o preço praticado no Brasil é o quinto maior.

O estudo foi baseado em um levantamento da OCDE (Organização de Cooperação e Desenvolvimento Econômico) que não levou em conta o poder de compra em cada país. Porém, a Ilumina atualizou os números pelo índice da Paridade do Poder de Compra [que mede o tamanho de uma economia de acordo com os preços e a capacidade de compra de seus habitantes].

Após essa atualização, o preço da tarifa no Brasil subiu de US$ 0,083 por kWh (quilowatt/hora) --valor da pesquisa da OCDE-- para US$ 0,141 o kWh, sem a incidência de impostos nos dois casos.

Sem a correção, o valor de US$ 0,083 é o mesmo que o cobrado nos EUA, e, nesse caso, o Brasil ficaria na 25ª colocação no ranking das tarifas mais caras.

De acordo com o Ilumina, no entanto, a atualização dos dados é necessária devido à diferença do poder de compra nos países pesquisados. Como exemplo, é apresentada uma conta de 200 kWh, que sairia a um custo aproximado de US$ 16,60 (R$ 50,05 de acordo com o câmbio de ontem) tanto nos EUA quanto no Brasil.

"Pagar US$ 16,60 é bem mais fácil para um americano do que para um brasileiro. Essa quantia no Brasil corresponde a um poder de compra maior do que nos Estados Unidos. Portanto, no orçamento de um brasileiro, comprometer US$ 16,60 só com a conta de luz, 'desloca' a compra de uma variedade de produtos", diz a pesquisa do Ilumina.

 

Mídia Max

Deixe seu Comentário

Leia Também

LUTO NO JORNALISMO
Morre Gil Gomes, jornalista policial, aos 78 anos, em São Paulo
SELEÇÃO BRASILEIRA
Brasil vence a Argentina com gol de Miranda nos acréscimos e conquista o Superclássico
HORARIO DE VERÃO
Início do horário de verão não será adiado, informa o Planalto
IBOPE PARA PRESIDENTE
Ibope para presidente, votos válidos: Bolsonaro, 59%; Haddad, 41%
ASSASSINATO
Rapaz agride avós de adolescente que não quis namorar com ele; avó morreu
TRAGEDIA NA RODOVIA
Carro ocupado por sete pessoas se envolve em acidente; cinco morreram
REVOLTANTE
Menina de 11 anos é estuprada por detento ao visitar irmão em presídio
ACIDENTE FATAL
Douradense morre em acidente no RS
REALITY SHOW
A Fazenda 10: Ana Paula é eliminada e se manifesta contra Bolsonaro
FACÇÃO CRIMINOSA
Decapitada por Satã do PCC, jovem morreu por exigir respeito após roubo de chinelo