Menu
SADER_FULL
terça, 22 de janeiro de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Brasil perde dos EUA e avança em segundo

27 Ago 2007 - 07h33

O Brasil perdeu para os Estados Unidos por 113 a 76, neste domingo, em jogo válido pela última rodada da fase classificatória do Pré-Olímpico de basquete, disputado em Las Vegas, e avançou à seqüência do torneio na segunda colocação do Grupo B, ficando atrás apenas do time norte-americano.

Ao contrário das três partidas anteriores, Leandrinho teve sua atuação dificultada pela forte marcação que recebeu, especialmente de Kobe Bryant. O resultado pôde ser visto no resultado final, já que o brasileiro marcou apenas quatro pontos.

O cestinha da Seleção acabou sendo Tiago Splitter com 13 pontos, seguido por Nenê e Valtinho, que anotaram oito cada um.

Além da marcação no maior pontuador brasileiro, os EUA usaram e abusaram das cestas de três pontos. Das 36 tentativas, 19 tiveram o destino certo (53%) e dando aos EUA 57 pontos.

Pelo lado norte-americano, os grandes cestinhas foram Carmelo Anthony e LeBron James, cada um com 21 pontos. Na seqüência, Kobe Bryant, com 20, e Michael Redd, com 16, aparecem entre os pontuadores.

No primeiro quarto, após um início avassalador, em que o time norte-americano chegou a abrir 8 a 0 no placar, a Seleção Brasileira conseguiu equilibrar as ações e teve chance de até mesmo empatar o resultado.

Não fossem três arremessos livres desperdiçados por Nenê, Tiago Splitter e Alex, o resultado final da primeira parcial poderia ter sido ainda mais apertado do que os 27 a 21 que os EUA levaram o segundo quarto.

Na seqüência, o Brasil conquistou a menor diferença na partida, quando chegou uma seqüência de seis pontos e o placar registrou 29 a 27.

No momento em que o técnico Lula Ferreira iniciou o rodízio, a diferença de elenco, enfim, tornou-se mais clara. Com Marquinhos e JP Batista em quadra, a Seleção se perdeu e viu a diferença chegar aos 16 pontos.

No fim do primeiro tempo, os EUA apertaram o ritmo e desceram aos vestiários com um placar folgado de 57 a 38, após vacilo da defesa brasileira e uma cesta de três de LeBron James no final do quarto.

Apesar da larga vantagem, a Seleção foi quem mais deu trabalho aos EUA no primeiro tempo. Contra Venezuela a vantagem foi de 22 pontos, ante as Ilhas Virgens foram 27 e, por fim, contra Canadá, a equipe norte-americana chegou a abrir 31 pontos.

No entanto, no terceiro quarto, a equipe dos astros da NBA seguiu a risca o esquema de jogo e apertaram ainda mais o ritmo. Com a Seleção perdendo cestas em baixo do aro, os EUA massacraram e fizeram 39 a 11, levando para a última parcial uma vantagem de 47 pontos.

No final da partida, as duas seleções usaram seus reservas e os EUA apenas mantiveram a larga vantagem. Mesmo com a vitória brasileira no quarto período por 27 a 17, o time do técnico Mike Krzyzewski garantiu a vitória por 113 a 76.

 

 

Terra Redação

Deixe seu Comentário

Leia Também

RENOVAÇÃO LICENÇA
Extinção de mais 130 rádios comunitárias no Brasil deve alcançar emissora de Ponta Porã
CENAS FORTES
Vídeo flagra mulher sendo agredida por ex-marido com socos e chutes
GUERRA NO RJ II
Parentes de mortos durante chacina em São Gonçalo e Itaboraí dizem que vítimas eram inocentes
GUERRA NO RJ
Chacina deixa pelo menos 7 mortos na Região Metropolitana do Rio
BBB 19
Famosos protestam contra Maycon por agredir animais e mãe o defende: 'Não é um monstro'
MORTE A ESCLARECER
Exército investiga morte de sargento após teste de aptidão física
CASO DE POLÍCIA
Rapaz morre em pátio de motel
MINISTRA DO MS NO GOVERNO BOLSONARO
Ministra Tereza Cristina garante fortalecer cadeia do leite e agricultura familiar
PROBLEMAS MENTAIS
Casal é brutalmente agredido a enxadadas pelo filho
BARRADO
Filho do cantor Marciano diz ter sido impedido de ir no velório do pai