Menu
LIMIT ACADEMIA
terça, 18 de dezembro de 2018
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Brasil joga hoje contra o Chile pela Copa América

8 Jul 2004 - 10h34
 

O Brasil não costuma dar muita importância à Copa América - até hoje, o país pentacampeão do mundo só venceu seis vezes o torneio continental. E desta vez, não é diferente. Com os principais jogadores poupados pelo técnico Carlos Alberto Parreira, a seleção brasileira estréia nesta quinta-feira em Arequipa, às 20h45 (horário de Mato Grosso do Sul), contra o Chile, sem a pressão natural por vitórias e boas exibições que normalmente acompanha a equipe em outras competições.

Mas se Parreira vê o campeonato disputado no Peru como laboratório, para os jogadores testados cada partida será uma espécie de vestibular, cuja aprovação poderá valer uma vaga nas próximas convocações para as Eliminatórias da Copa do Mundo, quando estará de volta o Brasil que todo o mundo conhece e reverencia. No time da estréia, somente o meia Edu pode se considerar titular também no meio das feras.

Dos outros dez, Gustavo Nery e Dudu Cearense são os que estão mais distantes das Eliminatórias, especialmente o último, que só vai enfrentar o Chile devido às lesões de Júlio Baptista e Kleberson. A tarefa dos demais é mais simples: já habituados a convocações para a seleção de verdade, basta que não decepcionem muito o treinador. Atuações de destaque, claro, são bem-vindas e diminuem o caminho até a próxima lista. Mas a briga por um lugar ao sol não se resume aos 11 titulares.

Na reserva, há casos como o do lateral-esquerdo Adriano, que já está no lucro só por disputar sua primeira competição oficial pela seleção principal do Brasil. Mas para os demais suplentes (exceto Kleberson e Júlio Baptista), a Copa América pode ser uma oportunidade única para ganhar prestígio com Parreira e mostrar que podem ser úteis também nas Eliminatórias. Nessa 'corrida do ouro', quem largou na frente, ironicamente, foi um reserva: Vagner Love.

Graças às boas atuações nos poucos coletivos e treinos táticos feitos na preparação brasileira, o jogador - que está trocando o Palmeiras pelo CSKA, da Rússia - ganhou elogios rasgados de Parreira. Tanto Vagner quanto Ricardo Oliveira, o outro reserva do ataque, deverão ter chances de jogar em alguma partida do Brasil pelo grupo C da Copa América, domingo, contra a Costa Rica, ou Paraguai, na próxima quarta-feira. Oportunidades pelas quais também esperam o goleiro Fábio, os zagueiros Cris e Bordon, o lateral-direito Maicon e os meias Felipe e Diego.

Ontem, a seleção fez o reconhecimento do gramado do estádio da Universidade Nacional de San Agustín. O médico da delegação, Rodrigo Lasmar, confirmou que Kléberson, com uma contratura na coxa esquerda, não tem condições de atuar na estréia e é dúvida também para o jogo contra a Costa Rica. Júlio Baptista segue em tratamento da contusão no tendão de Aquiles e também está fora da estréia.

Brasil x Chile

Hora: 21h45 (horário de Brasília)

Local: Arequipa, Peru

Árbitro: Marco Rodriguez, do México

Brasil: Júlio César, Mancini, Juan, Luisão e Gustavo Nery; Renato, Dudu Cearense, Edu e Alex; Luís Fabiano e Adriano. Técnico: Carlos Alberto Parreira.

Chile: Alex Vara, Alvarez, Olarra, Perez e Acuña; Meléndez, Valenzuela, Mario Gonzalez (Villaroel) e Mirosevic; Sebastian González e Galaz. Técnico: Juvenal Olmos.


Globo On line

Deixe seu Comentário

Leia Também

A QUE PONTO CHEGAMOS
Mãe mata o próprio filho após ser flagrada com amante pelo menino
MINÍSTRA DO MS NO GOVERNO BOLSONARO
Tereza Cristina anuncia seis secretários para Ministério
FAMOSIDADES
Silvio Santos se pronuncia sobre polêmica com Claudia Leitte e reage a campanha feminista
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Sóstenes cometeu crime por amor a Luz
ABUSO SEXUAL
João de Deus se entrega para a polícia
ACIDENTE
Criança de dois anos se enforca com a alça da bolsa enquanto brincava em escola
CASO JOÃO DE DEUS
Marina Ruy Barbosa intervém no caso João de Deus e impede uma grande tragédia
PRISÃO DECRETADA
Justiça de Goiás decreta prisão de João de Deus
STARTUPS NO BRASIL JÁ É SUCESSO
O sucesso das startups no Brasil e algumas novas apostas no mercado
REVOLTANTE
Filha de João de Deus diz que foi abusada dos 10 aos 14 anos: 'Meu pai é um monstro'