Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quarta, 14 de novembro de 2018
LIMIT ACADEMIA
Busca
SICREDI_FATIMA
Brasil

Botafogo sofre goleada do Náutico em Recife

10 Set 2007 - 10h48

Com uma atuação espetacular de Acosta e erros do árbitro Rodrigo Martins Cintra, o Náutico goleou o Botafogo por 4 a 1, neste domingo, no estádio dos Aflitos, em Recife. O uruguaio fez os quatro gols de seu time.

O placar serviu para o Náutico ultrapassar o Juventude e começar a ver uma possibilidade de escapar do rebaixamento. A equipe agora está na 18ª posição, com 27 pontos, dois a menos do que o Atlético-PR, 16º. O Botafogo fica mais uma rodada fora do G4, com 38, agora em sexto.

Logo aos 2min de jogo, com um gol-relâmpago, Jorge Henrique cobrou falta na área e Juninho desviou de cabeça, abrindo o placar para o Botafogo. Jogando fora de casa, o time carioca foi superior no início e teve mais duas boas oportunidades, com Dodô e Jorge Henrique. Em ambas, Eduardo espalmou para escanteio.

A partir dos 10 minutos, o panorama da partida mudou. Começou a aparecer também o principal personagem do primeiro tempo: Rodrigo Martins Cintra. O árbitro paulista deu cartões amarelos para Luciano Almeida, por cera, e para Alex, por falta duvidosa em Acosta. Do outro lado, Dodô foi derrubado na entrada da área por Elicarlos, que porém não foi punido.

O Náutico, então, começou a pressionar. Com um time mais ofensivo do que o previsto, com dois apoiadores e dois atacantes, criou boas oportunidades, principalmente por intermédio de Acosta. Ele colocou Daniel Paulista na cara do gol, mas o volante bateu por cima, com perigo.

Se, com passes, Acosta não conseguiu decidir, a solução foi ele próprio balançar a rede. Após o árbitro não marcar falta reclamada por Joilson, Radamés cruzou e o uruguaio subiu mais do que a zaga alvinegra e colocou no canto direito de Max, sem chances, aos 29min.

Três minutos depois apareceram novamente os dois protagonistas da primeira etapa. Acosta fez linda jogada pela esquerda, mas na hora do cruzamento, Leandro Guerreiro tocou só a bola. Apesar de estar a 2 metros, Cintra marcou pênalti erroneamente, revoltando os alvinegros. Na cobrança, lance incrível. Acosta bateu mal, Max defendeu, mas não conseguiu segurar. A bola entrou de mansinho, aos 36min.

Depois de Zé Roberto quase empatar --Eduardo fez grande defesa--, o árbitro resolveu completar sua desastrada atuação. Acosta vinha num carrinho, Jorge Henrique, que seria atingido, tentou saltar e pisou no uruguaio. Cintra expulsou apenas o alvinegro, que saiu de campo revoltado. Na confusão que se seguiu, o árbitro chegou a ser empurrado por Jorge Henrique e a empurrar Joilson.

O Náutico se aproveitou logo para matar o jogo no início. A equipe pernambucana partiu com tudo, criou oportunidades e aproveitou-se de mais um pênalti para acabar com qualquer chance de reação alvinegra. Renato Silva agarrou Acosta. O próprio uruguaio cobrou e fez o terceiro, aos 13min.

A partir deste gol, o jogo praticamente acabou. O Botafogo, sem forças tentava reagir, em vão. Embalado pela torcida, o Náutico ainda teve boas oportunidades, mas não conseguia conclui-las de forma correta.

 

 

 

Mídia Max

Deixe seu Comentário

Leia Também

TRAGEDIA
Ex-prefeito é morto pelo pai após ser confundido com assaltante
ACIDENTE DE TRANSITO
Caminhão passa por cima de veículos e explode em grave acidente
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Marilda (Letícia Spiller) é flagrada nua e finge ser uma assombração
BNDS
“Se não abrir a caixa preta do BNDES, está fora!”, diz Bolsonaro sobre Levy
FAMOSIDADES
Susana Vieira está com leucemia, mas a doença está controlado, diz assessoria
NOVELA GLOBAL
Marina Ruy Barbosa é a heroína de 'O sétimo guardião': 'Luz foge do tradicional'
CONSTRANGIMENTO
Claudia Leitte quebra silêncio e desabafa sobre polêmica com Silvio Santos
OPORTUNIDADE DE EMPREGO
Concursos oferecem mais de 1 mil vagas e salários de até R$ 6,6 mil no MS
NOVA EQUIPE
Bolsonaro intensifica processo de transição esta semana em Brasília
ESPORTE EM TOUROS
VÍDEO: Peão de MS morre após ser pisoteado por touro em rodeio no interior de SP