Menu
SADER_FULL
terça, 22 de janeiro de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Bens de Renan serão comparados com obras

5 Jul 2007 - 15h30
O Conselho de Ética do Senado decidiu avaliar a evolução patrimonial do presidente da Casa, Renan Calheiros (PMDB-AL), entre 2002 e 2006 e comparar com a liberação de verbas públicas para obras da empreiteira Mendes Júnior. Com isso, o conselho quer saber se há alguma relação de benefício entre a empreiteira e Renan.
 
 
O senador é acusado de receber ajuda do lobista Cláudio Gontijo, da Mendes Júnior, para pagar pensão à jornalista Mônica Veloso, com quem tem uma filha de 3 anos. Renan nega e diz ter recursos próprios para essas despesas. 
 
O conselho decidiu também que pedirá ainda nesta quinta (5) à Polícia Federal a conclusão da perícia em documentos apresentados por Renan para comprovar renda. Um encontro entre a comissão de três relatores do caso e o diretor-geral da PF, Paulo Lacerda, nesta manhã discutirá o assunto. 
 
 Relatores
Esse cronograma de trabalhos foi definido em reunião entre o presidente do Conselho de Ética, Leomar Quintanilha (PMDB-TO), e os relatores Renato Casagrande (PSB-ES) e Marisa Serrano (PSDB-MS). O terceiro relator, Almeida Lima (PMDB-SE), não participou do encontro por problemas de saúde.
Segundo Casagrande, o cruzamento de dados entre os bens de Renan e obras da Mendes Júnior servirá para tentar encontrar alguma ligação dele com a empresa. "Não sabemos se há alguma ligação. E precisamos buscar informações", disse.
 
A comissão de três relatores é a terceira tentativa do conselho em escolher uma relatoria para o caso. O primeiro relator, Epitácio Cafeteira (PTB-MA), pediu licença por motivos de saúde. No seu lugar, entrou Wellington Salgado (PMDB-MG), que desistiu menos de 24 horas depois de assumir.

 

G1


Deixe seu Comentário

Leia Também

PERSISTÊNCIA
Filho de faxineira e porteiro passa em medicina no Paraná
RENOVAÇÃO LICENÇA
Extinção de mais 130 rádios comunitárias no Brasil deve alcançar emissora de Ponta Porã
CENAS FORTES
Vídeo flagra mulher sendo agredida por ex-marido com socos e chutes
GUERRA NO RJ II
Parentes de mortos durante chacina em São Gonçalo e Itaboraí dizem que vítimas eram inocentes
GUERRA NO RJ
Chacina deixa pelo menos 7 mortos na Região Metropolitana do Rio
BBB 19
Famosos protestam contra Maycon por agredir animais e mãe o defende: 'Não é um monstro'
MORTE A ESCLARECER
Exército investiga morte de sargento após teste de aptidão física
CASO DE POLÍCIA
Rapaz morre em pátio de motel
MINISTRA DO MS NO GOVERNO BOLSONARO
Ministra Tereza Cristina garante fortalecer cadeia do leite e agricultura familiar
PROBLEMAS MENTAIS
Casal é brutalmente agredido a enxadadas pelo filho