Menu
PASSARELA
quarta, 20 de junho de 2018
SADER_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Bebê de 7 meses é estuprada na Bolívia e causa revolta na população

19 Set 2013 - 16h29Por Uol

Uma menina de 7 meses foi estuprada na cidade boliviana de El Alto, próxima da capital, o que revoltou a população e reavivou a antiga polêmica para endurecer a punição para estupradores.

"Obtivemos o boletim do Hospital da Criança e ficou evidente que houve estupro, o delito está provado", declarou Virginia Aguilar, da Defensoria da Infância da prefeitura de El Alto.

O crime ocorreu na segunda-feira e o agressor, identificado como Ronald C.F., de 25 anos, foi detido preventivamente.

"A bebê precisou ser submetida a uma intervenção cirúrgica", informou o hospital, referindo-se a uma operação de reconstrução anal e vaginal.

A população agora exige do governo um debate sobre o endurecimento das medidas contra os autores desse tipo de crime.

No caso de Ronald C.F., ele deve pegar 25 anos de prisão sem direito a indulto.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Brasil
Terceiro homem que assediou russa na Copa diz que “estão transformando um copo d’água em uma tempestade”
‘Alta Pressão’
Exército deflagra Operação para fiscalizar armamento e reduzir desvios para o comércio ilegal
COLÉGIO DELPHOS - BOLSAS DE ESTUDOS
Colégio Delphos Nota 10 oferece provas para bolsas de estudos neste sábado em Dourados
UNIPAR - EAD - DOURADOS
Unipar EAD com pós-graduação e 25 cursos a distância com mensalidade acessíveis agora em Dourados
PENSÃO ALIMENTÍCIA
Genro de Silvio Santos é procurado por Policia Federal após mandado de prisão
APOCALIPSE
Arthur (Junno Andrade) fala na TV do ataque ao navio de fugitivos e das consequências da erupção de
POLÊMICA
Projeto quer liberar venda direta de etanol das usinas aos postos
FÁTIMA DO SUL - ESTRUTURA NOVA
Fátima do Sul terá um novo conceito de lojas Cacau Show, AGUARDEM!!!
DOURADOS - ITALÍNEA MÓVEIS PLANEJADOS
Em Dourados, Italínea Móveis Planejados dá dicas para deixar sua casa pronta para o inverno
APOCALIPSE
Ricardo (Sérgio Marone) autoriza que um navio de fugitivos seja bombardeado