Menu
SADER_FULL
sábado, 26 de maio de 2018
PASSARELA
Busca
ITALÍNEA
Brasil

BB reduz taxa, via Internet, de depósitos no exterior

3 Ago 2004 - 11h18
O Banco do Brasil reduziu de 2,58% para 2,55% o custo da operação, via internet, que permite a brasileiros residentes no exterior fazerem depósitos em conta-corrente, no Brasil, por meio de cartões de crédito 'Visa' emitidos fora do país.

A informação foi transmitida há pouco pela Assessoria de Imprensa do BB e adianta que o serviço, chamado de Banco do Brasil Expresso, possibilita a realização de débitos até o limite do cartão, e posterior crédito em contas no Brasil.

O teto para realização dos depósitos é de até R$ 30 mil por dia e os valores são liberados na conta do beneficiário em até dois dias úteis, desde que a transação seja autorizada até às 23h (horário de Brasília).

Caso o beneficiário do crédito não possua conta, o mesmo poderá solicitar a sua abertura no próprio site do Banco.

 




Agência Brasil

Deixe seu Comentário

Leia Também

NOVELA GLOBAL
'Segundo sol': Laureta transa com Ícaro e fica encantada
FÁTIMA DO SUL - FOTO DO DIA
FOTO DO DIA: Carreata dos caminhoneiros vista de cima em Fátima do Sul
FÁTIMA DO SUL - GREVE JÁ PREOCUPA
Situação já preocupa o setor alimentício 'Acendemos a luz vermelha', diz empresário em Fátima do Sul
FÁTIMA DO SUL - BUZINAÇO NA AVENIDA
Ao som do Hino Nacional, população e caminhoneiros fazem 'buzinaço' em Fátima do Sul
AGORA - DECISÃO DO PRESIDENTE
#AGORA: Temer aciona Exército 'forças federais' para desbloquear estradas
FÁTIMA DO SUL - CARREATA DOS CAMINHONEIROS
Caminhoneiros preparam carreata e conclamam o comércio para que fechem as portas em Fátima do Sul
COPA DO MUNDO
Dias de jogos do Brasil na Copa do Mundo não serão feriado
FÁTIMA DO SUL - PROTESTOS CONTINUAM
Bloqueios continuam e caminhoneiros convocam população para 'Parar Fátima do Sul'
VANDALISMO NÃO!
Caminhão é incendiado por manifestantes durante protesto contra aumento de combustível
TRABALHO ESCRAVO
Ministério do Trabalho resgata 15 trabalhadores de situação degradante