Menu
LIMIT ACADEMIA
sexta, 15 de fevereiro de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Bancários avisam que população deve se preparar para greve

28 Set 2010 - 10h38Por Dourados News

O Sindicato dos Bancários de Dourados e Região avisa a população, em especial os clientes e usuários dos bancos, que vem dando apoio importante à luta dos bancários por melhores condições de trabalho que devem se preparar para a paralisação nas agências. A Fenaban (Federação Nacional dos Bancos) insiste no desrespeito e deixa a categoria sem alternativa, se não cruzar os braços a partir desta quarta-feira, dia 19 de setembro.

A deliberação será hoje às 18 horas, em todo o país. Em Dourados a assembléia acontece na sede do Sindicato a Rua Olinda Pires de Almeida, 2450, onde a categoria discutirá a campanha salarial e tomará a decisão.

 

O Movimento Sindical Bancário realizam desde agosto manifestações nas agências de todo o país, para mostrar como os bancos estão bem, lucrando como nunca e precarizando o trabalho e o serviço prestado ao cliente. O setor que no primeiro semestre arrematou R$ 24,7 bilhões de lucratividade apresentou uma proposta pífia com relação ao reajuste salarial, oferecendo 4,29% aos empregados. O índice corresponde apenas à inflação do período. Os bancários reivindicam 11% de reajuste.

Por isso, neste momento é fundamental que a população compreenda mais uma mobilização da categoria, que tem na greve a única forma de pressionar e arrancar melhorias para os empregados.

O presidente do Sindicato, Raul Lídio Pedroso Verão, lembra que as negociações acontecem desde agosto e depois de quatro rodadas de negociação nada foi decidido. “É importante a população saber que não estamos pensando em começar uma greve do nada, já que a nossa pauta de reivindicações está nas mãos dos banqueiros desde o dia 10 de agosto”, diz Verão.


REIVINDICAÇÕES

Além do reajuste salarial de 11%, os bancários cobram que medidas sejam tomadas em relação ao bem estar do consumidor, entre elas, mais segurança e o fim das filas nas agências bancárias, que poderia ser combatida com a contratação de mais funcionários.

“Os banqueiros deveriam oferecer conforto à população e trabalhadores. Mas, preferem jogar os clientes nas filas, mandar os bancários embora e ainda sujeitam o consumidor aos riscos de ter de usar a internet. Tudo para ampliar os lucros”, diz Raul Verão.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BARBÁRIE
Rosane Santiago Silveira, torturada e morta em sua própria casa
CARRO DE APLICATIVO
Mulher é estuprada após aceitar água e bala em carro de app
VIOLENCIA DOMESTICA
Enquanto Lírio Parisotto era condenado, Luiza Brunet discutia campanha contra violência doméstica
CANALHA
Criança de 4 anos é estuprada no próprio aniversário
HORARIO DE VERÃO
Atrase seu relógio! Horário de verão termina neste sábado(16)
CARCERE PRIVADO
Mulher é chicoteada com fio elétrico pelo marido
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Lutador de MMA mata ex de 16 anos, tenta suicídio e morre horas depois em hospital
VIOLENCIA NO RIO
Menina de 11 anos é baleada e morta em Triagem; moradores protestam
DOENÇA GRAVE
Leiliane ganha acompanhamento médico após desastre com Boechat
SOLIDARIEDADE
Jovem faz campanha para pagar cirurgia de cachorro que vive com tumor 'gigante'