Menu
SADER_FULL
domingo, 22 de setembro de 2019
CÂMARA BONITO SETEMBRO
Busca
AGÊNCIA BONITO THIAGO
Brasil

Bancada do PMDB ainda não descarta indicação de Moka

16 Mar 2007 - 09h27

As diversas questões éticas levantadas contra o deputado federal Odílio Balbinotti (PMDB/PR), que deve assumir na próxima semana o MAPA (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento), mantêm a indicação do nome do deputado federal Waldemir Moka (PMDB/MS) para a pasta, é o que afirmou em entrevista ao Midiamax o deputado federal Nelson Trad (PMDB/MS).

”Estão criando restrições, nós não temos nada contra ele na bancada, ele foi o candidato do PMDB anunciado de fora para dentro, porque de dentro para fora o nosso candidato seria o Moka, que aliás pode ainda acontecer”, afirmou nesta manhã o deputado Nelson Trad.

Esses problemas éticos estão fazendo com que o nome de Moka não seja “de todo descartado”, além do próprio comportamento do deputado, após a indicação de Balbinotti, também ser um ponto positivo para Moka. “Ele está se comportando de forma exemplar, deve participar da posse, não contestou a indicação e se mostrou solidário com a bancada dos deputados do PMDB”, lembrou Trad.

O Palácio do Planalto vai pedir mais explicações ao PMDB e ao próprio Balbinotti sobre as investigações que estão sendo feitas contra ele, por falsidade ideológica, no Supremo Tribunal Federal (STF). O presidente Luiz Inácio Lula da Silva e seus principais auxiliares estão preocupados com os rumores de que estão para ser divulgadas novas denúncias contra Balbinotti.

Sintomaticamente, a nomeação de Balbinotti para a Agricultura não foi feita por nenhum integrante do governo, mas pelo próprio Temer. Ao se reunir ontem com o chamado Conselho Político - integrado por dirigentes de todos os partidos que apóiam o governo -, Lula comunicou que daria posse hoje aos novos ministros da Justiça, da Saúde e da Integração Nacional. Afirmou que completará a escalação do time na semana que vem, sem citar especificamente o caso da Agricultura. Depois da reunião, o presidente recebeu Balbinotti no Planalto, mas a indicação do deputado não foi oficialmente confirmada.

Pouco antes de Balbinotti sair do gabinete presidencial, a ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff, declarou à imprensa que Lula “não tinha batido o martelo” em relação ao deputado. “Nós olharemos esta questão, o presidente vai analisar e, como eu disse, está tudo em aberto ainda.”

O líder do PT na Câmara, Luiz Sérgio (RJ), que também esteve com Lula ontem, disse sobre Balbinotti que, “a priori, o curso do processo pode concluir que ele é inocente”. Mas advertiu: “A existência de um processo demonstra a necessidade de se esclarecer uma questão pendente.” O líder avaliou que é ruim assumir um posto tendo de responder a acusações. “O melhor é chegar ao ministério sem ter de dar explicações.”

 

 

 

 

Mídia Max

Deixe seu Comentário

Leia Também

VAMOS ORAR - COMPARTILHE
Familia pede orações para jovem que sofreu grave acidente de moto
DOENÇA DO SÉCULO
Irmãos planejam a própria morte em mensagens de celular
ESTUPRO DE VULNERÁVEL
Homem invade escola de ballet e morde criança de seis anos, no rosto e no peito
BARBÁRIE
Filho de empresário é acusado de encomendar a morte do pai. Crime chocou cidade.
REVOLTANTE
Policial atira em motociclista que não quis parar e mata menina de 8 anos
ACIDENTE GRAVE
Acidente com van escolar deixa dez crianças feridasí; duas estão em estado grave
NOVELA GLOBAL
Em 'A dona do pedaço', Rock é dopado, perde luta e Paixão é anunciado campeão
TRAGÉDIA NA CIDADE
Assassinato de 3 pessoas e um suicídio assusta moradores de cidade
MORTE TRAGICA
Mulher morre após ter 98% do corpo queimado ao acender churrasqueira
CRIME DESVENDADO
Autor do Crime da Mala é identificado 11 anos depois por exame de DNA