Menu
LIMIT ACADEMIA
terça, 23 de outubro de 2018
SADER_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Azambuja vai coordenar trabalhos sobre publicidade na AL

25 Abr 2007 - 17h45

O deputado Reinaldo Azambuja, líder do PSDB na Assembléia Legislativa, foi escolhido hoje de manhã para coordenar os trâmites que irão definir a forma de contratação de publicidade pela Casa.

Hoje de manhã ocorreu, na Assembléia, a primeira reunião para discutir a forma de lançamento dos editais licitatórios para contratação de serviços terceirizados e de comunicação pela Casa.

Segundo Azambuja, foram discutidas questões envolvendo a contratação das agências que irão coordenar o trabalho de publicidade na Assembléia, atendendo as exigências contidas no TAC (Termo de Ajustamento de Conduta) assinado pela Casa e o Ministério Público.

“Na presença dos líderes, nós fizemos alguns encaminhamentos, como a definição do número de agências e o estudo do edital do processo licitatório, que ainda será analisado, discutido por cada líder, para ser levado para a próxima reunião”, disse Azambuja.

Segundo o deputado, o encontro deverá acontecer na próxima quarta-feira (2), a partir das 15h, na sala de reuniões da presidência da Assembléia.

 

 

 

Fátima News / Assessoria

Deixe seu Comentário

Leia Também

CIENCIA
A estranha imagem 'que se move' e intriga a internet
DOURADOS - UNIPAR EAD
UNIPAR EAD com cursos de Educação Física, Letras, Marketing e mais 22 cursos, Confira todos aqui
ASSALTO A ONIBUS
Bandidos fortemente armados roubam três ônibus de turismo na BR-116
ACIDENTE FATAL
Mulher morre após colidir e capotar carro; veja vídeo
EMBRIAGADO
Condutor bêbado atropela duas crianças na calçada; menina de 7 anos morreu
NOVELA GLOBAL
'Minha mãe me usou, me prostituiu', lamenta Karola em 'Segundo sol'
SERÁ?
Bolsonora se assume candidato a ditador e oferece aos opositores a cadeia ou o exílio
DISPUTA ACIRRADA
Vox Populi: Distância cai para 6 pontos
AGRESSÃO
Justiça manda penhorar bens de Dado Dolabella para pagar indenização a camareira agredida
HOMICÍDIO - 17 TIROS
Empresário é morto com 17 tiros; acusados estão detidos