Menu
SADER_FULL
terça, 23 de abril de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
AGÊNCIA BONITO THIAGO
Brasil

Avanço industrial de Três Lagoas eleva em 13% o PIB de MS

21 Jun 2010 - 10h00Por Conjuntura Online

Dados da Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Mato Grosso do Sul apontam que os investimentos em Três Lagoas foram responsáveis por um aumento de 0,20% do PIB do País e de 13% do PIB estadual e elevaram em R$ 400 milhões a arrecadação anual do Estado.

No município, segundo a prefeita Márcia Moura (PMDB), os investimentos aumentaram em 300% os volumes de negócios na economia local, principalmente com a abertura de estabelecimentos comerciais. A arrecadação elevou o orçamento do município de R$ 74 milhões em 2004 para R$ 161 milhões em 2009.

Como grande parte da produção industrial vai para o exterior, Três Lagoas se tornou um dos maiores exportadores do País. De janeiro a maio de 2010, exportou US$ 263 milhões, com previsão de US$ 630 milhões até o fim do ano. É o 56.º entre 2.147 municípios na lista de exportações, superando 11 capitais (Belo Horizonte, Campo Grande, Cuiabá, Salvador, Belém, Fortaleza, Porto Velho, Teresina, Goiânia, Recife e Florianópolis).

"Em 2005, ela não aparecia nem na lista. O parque industrial da cidade, que era o terceiro de Mato Grosso do Sul, hoje é o segundo, perdendo somente para o de Campo Grande, capital do Estado", diz o secretário de Planejamento e Finanças, Walmir Marques Arantes.

O resultado foi que o índice de desemprego caiu de 23% no início da década para menos de 3% em 2009. Foram criados 4 mil empregos diretos de 2005 a 2008. A estimativa é de que, entre 2009 e 2010, tenham sido abertos de 5 a 6 mil postos de trabalho. Segundo o coordenador Ivan José Alckmin, do Centro Integrado de Atendimento do Trabalhador (Ciat), de janeiro de 2009 a junho deste ano, as vagas captadas pela agência tiveram 80% a 90% de ocupação.

"Somente em maio de 2010 foram abertas 481 vagas, e destas 470 foram preenchidas", disse Alckmin. Segundo ele, o Ministério do Trabalho estipula que uma captação de 30% seja um bom índice.

Ao contrário de alguns anos atrás, Três Lagoas conta hoje com todas unidades do Sistema S: Senai, Sesi, Sesc, Senac, Sebrae e Sest/Senat, além de parcerias com empresas que fornecem dezenas de cursos de qualificação profissional. O Senai, por exemplo, qualificou nos últimos três anos uma média de 10 mil trabalhadores.

Na cidade, a industrialização ajudou melhorar o saneamento, a infraestrutura urbana e as condições de moradias. Em 2010, a cidade deve fechar o ano com uma rede de esgoto de 62% dos imóveis, com 50% de ruas pavimentadas e mais 400 casas populares. Em 2005, ela tinha apenas 18% de rede de esgoto e 12% das ruas pavimentadas, mas com a vinda da indústria, construiu 1.050 casas populares, seis escolas e um hospital.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CRÔNICA DA SEMANA
CRÔNICA DA SEMANA: 'Precisamos redescobrir o Brasil', por Luciano Gazola
CRUELDADE
Criança tinha o pênis amarrado com elástico e era torturada pelo pai e a madrasta
MORTE TRÁGICA
Adolescente de 13 anos morre após sofrer queda de bicicleta
ESTAVA FORAGIDO
Homem que matou esposa na Sexta-feira Santa morre em acidente 03 dias depois
FEMINICIDIO
Advogada é assassinada a facadas por marido após discussão
100 LUZ
Giselle Itié lamenta a morte de outro ex-namorado em apenas três meses
CENSURADO
Video com ataques de Olavo a Militares é excluido das Redes de Bolsonaro
DOENÇA DO SÉCULO
Yasmim Gabrielle, do ‘Programa Raul Gil’, se suicida após depressão
FATALIDADE
Bebê morre após ser esquecida pelo pai por três horas dentro do carro
IRRESPONSABILIDADE
Bebê de 1 aninho entra em coma alcoólico após pai dar cachaça com refrigerante