Menu
SADER_FULL
sábado, 20 de abril de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Avanço da indústria também reforça economia do Estado

10 Jun 2010 - 10h20Por Perfil News

O presidente da Fiems acrescenta que o crescimento do PIB do Brasil no primeiro trimestre reforça o avanço da industrialização. 

O presidente da Fiems, Sérgio Longen, avaliou nesta quarta-feira (09) que o crescimento de 9% do PIB (Produto Interno Bruto) do Brasil no primeiro trimestre deste ano em relação ao mesmo período do ano anterior reflete o avanço do setor industrial no País e no Estado.

“Os números divulgados pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) demonstram que a força da indústria está presente nacionalmente e de maneira vigorosa em Mato Grosso do Sul”, analisou, destacando que a contribuição para o bom desempenho da economia veio da expansão de 14,6% da indústria, que foi alavancada pelo aumento da produção interna de máquinas e equipamentos e construção civil. 

Longen lembra que em 2009 o Estado fechou com PIB Industrial apresentando crescimento de 10,11% e estimativa feita pelo Radar Industrial da Fiems aponta que neste ano ele deve encerrar com elevação de 11,04% contra previsão de aumento de 6% em nível nacional.

“A diversificação da nossa economia é resultado do avanço da industrialização em segmentos estratégicos como o sucroenergético, extrativo mineral, alimentos e de vestuário e têxtil.

No entanto, é importante que o Estado continue a oferecer condições para que as indústrias mantenham o ritmo acelerado de produção e possam escoar seus produtos nos diversos modais disponíveis”, reforçou. 

Ao comentar os resultados divulgados pelo IBGE, ele observa ainda que em uma lista de 17 países, o PIB do Brasil no primeiro trimestre ante o quarto trimestre de 2009 superou as taxas de crescimento para o mesmo período do Canadá (1,5%), Suécia (1,4%), Japão (1,2%), Portugal (1%), Estados Unidos (0,8%), Itália (0,5%), Suíça (0,4%), Reino Unido (0,3%), Alemanha (0,2%), União Européia (0,2%), países da zona do euro (0,2%), Espanha (0,1%), França (0,1%), México (retração de 0,4%), Grécia (recuo de 0,8%) e Chile (queda de 1,5%).

“Especificamente neste trimestre, o crescimento do PIB no Brasil só não foi mais alto do que o da China, que cresceu 11,9% no período”, lembrou.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BONITO - MS - DICA AGÊNCIA ECO TOUR
Confira agora os 5 passeios mais românticos de Bonito (MS)
EM ÁUDIO VAZADO
Em áudio, Onyx diz que governo deu 'uma trava na Petrobras', caminhoneiros podem ficar sossegados
EMOÇÃO E RECOMEÇO
Mãe e filho se reencontram em hospital após desabamento de prédios
ACIDENTE FATAL
Três morrem em explosão provocada por vazamento de botijão de gás
NOVA PARALISAÇÃO
Ala dividida de caminhoneiros falam em greve no próximo dia 29 em todo o Brasil
CAMPO BELO RESORT - PARAÍSO É AQUI
Com noite Árabe e Italiana, PACOTE do dia 03 a 05 de maio já disponível para o Campo Belo Resort
NEGLIGÊNCIA FUNCIONAL
Menino de 12 anos foge de casa, burla esquema de segurança e embarca em avião
DEU RUIM
Vítima reage e mata assaltante que tentava roubar camioneta em Toledo – ASSISTA VÍDEO
PAI MONSTRO
Pai é preso suspeito de estuprar e engravidar a filha de 11 anos
15 METROS DE ALTURA
MILAGRE – Menina de um ano que caiu do 4º andar de prédio não sofreu nenhuma fratura