SUCURI_MEGA
FatimaNews - Notícias de Fátima do Sul e região
Fátima do Sul, 16 de Janeiro de 2018
SADER_FULL
RIO_DOURADOS
12 de Setembro de 2013 17h52

Autoescolas onde atuavam instrutores fraudadores de CNH podem ser punidas

Campo Grande News

A Comissão de Agricultura do Senado marcou para o dia 3 de outubro audiência pública com o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, e a presidente da Funai, Maria Augusta Boulitreau Assirati, para discutir a demarcação de terras indígenas em Mato Grosso do Sul e no país.

Em reunião nesta quinta-feira (12), via assessoria, o senador Ruben Figueiró (PSDB) informou que pediu a inclusão dos nomes do presidente da Famasul (Federação da Agricultura e Pecuária), Eduardo Riedel e do presidente da Acrissul (Associação dos Criadores do Mato Grosso do Sul), Francisco Maia, para participar do debate.

Para Figueiró, a Comissão de Agricultura precisa entrar na discussão, principalmente depois de conflitos recentes envolvendo indígenas e produtores rurais que, inclusive, resultaram na morte de um índio sul-mato-grossense.

Inicialmente, o presidente da comissão, senador Benedito de Lira (PP-AL), sugeriu que os representantes da classe rural de Mato Grosso do Sul fossem ouvidos antes da reunião com o Ministro da Justiça. O senador Waldemir Moka (PMDB), por sua vez, reforçou a necessidade da participação deles.

Ele lembrou ainda que a União propôs a compra das terras conflagradas com Títulos da Dívida Agrária (TDAs), mas o Governo do Estado está preocupado com a depreciação dos papéis. Para os parlamentares sul-mato-grossenses, é imprescindível esclarecer essas questões.

A senadora Ana Amélia (PP-RS) também apoiou o debate e solicitou a inclusão de mais um convidado, o Procurador do estado do Rio Grande do Sul, Rodinei Candeia. A reunião com os cinco participantes acontecerá na Comissão de Agricultura, no dia 03 de outubro, a partir das 8h30.

Comentários
Veja Também
LOJA_02
LÉO_GÁS_300
FÁBRICA_CALÇADOS
Últimas Notícias
  
SADER_LATERAL
Eventos
dothCom © Copyright FatimaNews - Todos os Direitos Reservados.