Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sexta, 26 de abril de 2019
SADER_FULL
Busca
AGÊNCIA BONITO THIAGO
Brasil

Aumento de preços pode reduzir consumo de bebidas

7 Jul 2004 - 13h44
O ministro da Saúde, Humberto Costa, disse hoje, na abertura da reunião ordinária do Conselho Nacional de Saúde, que discutirá com o ministro da Fazenda, Antônio Palocci, a questão do aumento de preços das bebidas alcoólicas para dificultar o consumo. Além disso, tratará com os ministros José Dirceu, chefe da Casa Civil, e Jorge Félix, do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República, da formação de um grupo permanente de discussão sobre o problema das drogas.

Durante a reunião, o movimento Propaganda sem Bebida distribuiu manifesto pela proibição da publicidade de cerveja e outras bebidas alcoólicas. No manifesto, o movimento fez ainda restrições a anúncios de bebidas, nos meios de comunicação, em eventos esportivos, culturais e sociais, a exemplo da legislação que limita a propaganda de cigarro.

A reunião do Conselho Nacional de Saúde é realizada sempre na primeira semana de cada mês. O conselho tem poderes para decidir sobre políticas públicas de saúde, necessitando apenas da homologação do ministro para a execução dessas políticas.
 
Agência Brasil

Deixe seu Comentário

Leia Também

FATIMA DO SUL - ROMARIA
Romeiros de Fátima do Sul seguem viagem rumo à cidade de Aparecida do Norte
CRISE A VISTA
Gasolina volta a subir na segunda-feira
DEMISSÃO DE CONSENSO
BB tira do ar propaganda com jovem negra careca, homens de cabelo rosa e no salão de beleza
ANJOS DA VIDA
Em quatro dias, 16 pessoas foram salvas do suicídio na Ponte Newton Navarro
TOCAIA
Mulher é chamada pelo nome e ao atender leva vários tiros
100 EDUCAÇÃO
Revoltada, mãe denuncia que criança voltou da creche com cocô amarrado em mochila
MEGA SENA
Mega-Sena segue acumulada e prêmio chega a R$ 105 MILHÕES
100 MUDAR HORÁRIO
Bolsonaro assina decreto que encerra com o horário de verão
FAMOSIDADES
Xuxa mostra vídeo de seu cabelo sendo raspado pela filha, Sasha
SEGUNDA EMBOSCADA
Empresário de Distribuidora de Bebidas é atingido por 24 tiros e sobrevive