Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
terça, 18 de junho de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Atriz global desabafa: "Não agredi ninguém, fui a vítima"

13 Out 2010 - 14h56Por Redação Terra

Diante de tanto burburinho envolvendo seu nome, Priscila Fantin decidiu se manifestar em seu blog a respeito da acusação de agressão que está sofrendo por parte de Fabiana Kopke, ex-namorada de Renan Abreu, com quem a atriz engatou um relacionamento sério recentemente.

Ao contrário do que Fabiana vem afirmando à imprensa, a artista garante que é inocente, mas diz que foi orientada por seus advogados a não dar grandes detalhes sobre o caso, uma vez que existe um processo judicial em andamento.

"Não agredi ninguém, ao contrário, fui vítima nesse episódio. No momento oportuno e no foro adequado tudo será esclarecido", escreveu.

Priscila voltou a declarar que quem a conhece sabe que ela é incapaz de ofender alguém com palavras ou fisicamente e que espera que a justiça seja feita.

"Minha imagem foi construída ao longo de anos com trabalho sério e sem que, em momento algum de minha carreira, tenha tido o meu nome envolvido em confusões dessa natureza. Peço, apenas, tranquilidade para prosseguir com minha vida normal, com meu trabalho, e espero, na Justiça, a resposta para aqueles que me agrediram e ofenderam", desabafou a famosa.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ASSASSINATO CRUEL
O massacre do menino Rhuan e o silêncio da grande mídia
FAMOSIDADES
Homem discute com mulher e mata bebê de quatro meses
SOLIDARIEDADE
Bebê nasce sem os olhos e mobiliza cidade do Paraná
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Pai mata filho de quatro anos e se mata por não aceitar fim do relacionamento
ASSASSINATO
Marido da deputada é morto a tiros
MULHER DO PRESIDENTE
Esposa de Jair Bolsonaro cai na internet, fotos íntimas são exibidas e todos ficam sem acreditar
DOURADOS - MANIFESTAÇÕES
Dono da Havan manda 'recado' a manifestantes após protesto em frente a loja de Dourados
VENENOSA
Agricultor é picado por cobra jararaca
FORÇA DE VONTADE
Advogado que pedia emprego na rua é contratado e ganha pós-graduação
CASO DE POLÍCIA
Filho mata a mãe e rouba seu cartão para comprar cocaína