Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
segunda, 21 de janeiro de 2019
SADER_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Ataques deixam pelo menos 25 mortos no Iraque

18 Set 2004 - 09h59
A onda de violência que ocorre hoje no Iraque causou a morte de pelo menos 25 pessoas após a ocorrência de um atentado suicida contra a polícia em Kirkuk, bombardeios americanos em Faluja, um ataque contra escola em Baquba e explosões em Hilla e Bagdá.

Em Kirkuk, pelo menos 19 pessoas morreram quando um carro-bomba dirigido por um camicase explodiu perto do quartel-general da Guarda Nacional, que também funciona como centro de alistamento. No momento da explosão, voluntários faziam fila para o alistamento na polícia local. Os feridos podem passar de 40.

A polícia iraquiana tem sido um dos alvos mais freqüentes dos ataques suicidas com carro-bomba no Iraque. O atentado desta manhã é o terceiro dessas características nas últimas duas semanas no país.

Em Hilla, um menino de 9 anos morreu na explosão de uma bomba colocada nas proximidades da casa de sua família, informou uma fonte dhospitalar. A explosão ocorreu quando Mustapha Mehdi Hussein tentava manipular a bomba.

Nas primeiras horas da manhã, em Baquba, ao norte de Bagdá, pelo menos 11 pessoas foram feridas, duas delas gravemente, na queda de um morteiro em frente a uma escola técnica.

Faluja voltou a sofrer hoje novos bombardeios americanos contra os insurgentes. As explosões causaram pelo menos cinco mortes, segundo a EFE.

Na capital iraquiana, uma grande explosão foi registrada na estrada que leva ao aeroporto de Bagdá, disseram testemunhas. Elas disseram que uma coluna de fumaça podia ser vista pouco depois no local da explosão. Porta-vozes policiais apontaram que, segundo os primeiros indícios, se trataria de uma explosão causada por um ataque contra um comboio militar americano. As fontes não puderam informar do número de vítimas causadas pelo suposto ataque.

 

 

AFP

Deixe seu Comentário

Leia Também

MORTE A ESCLARECER
Exército investiga morte de sargento após teste de aptidão física
CASO DE POLÍCIA
Rapaz morre em pátio de motel
MINISTRA DO MS NO GOVERNO BOLSONARO
Ministra Tereza Cristina garante fortalecer cadeia do leite e agricultura familiar
PROBLEMAS MENTAIS
Casal é brutalmente agredido a enxadadas pelo filho
BARRADO
Filho do cantor Marciano diz ter sido impedido de ir no velório do pai
A COBRA VAI FUMAR - SEGURANÇA NO MS
MS fecha o cerco contra a violência na fronteira em mega operação
LUTO NA MÚSICA
Marcelo Yuka, fundador do Rappa morre aos 53 anos
ROTEIRO ESPECIAL PARA O RIO DE JANEIRO
Roteiro diferente para continuar conhecendo o Rio de Janeiro
DICA DE TURISMO E FÉRIAS
Dicas para curtir uma temporada em Arraial do Cabo
LUTO - ESPORTE
Morre Jackelyne da Silva, ginasta da seleção brasileira, aos 17 anos